quarta-feira, 19 de setembro de 2018

MAIS DO MESMO


Com tristeza acabei de receber uma mensagem do Vereador Marcelo Krauss, presidente de Comissão de Obras da Câmara Municipal de Itajubá, informando que o Secretário Municipal de Agricultura, responsável pela reforma do Mercado Municipal, declinou do convite feito para comparecer  a reunião da Comissão programada, à séculos, para ser realizada hoje.

Argumenta o Secretário que realizou uma reunião, na certa não pública, como obrigatoriamente deveria ser, com dois a presença de dois vereadores da base do prefeito e permissionários do Mercado, onde conversaram a respeito da mencionada reforma.

O Senhor Secretário, que tem excelentes e maravilhosas raízes, como a Professora Bel Jacarini, uma das precursoras da Transparência Itajubá e o participativo Benê Jacarini, com quem tive a felicidade de conviver e aprender, não entendeu, ou foi levado por orientação superior, a importância no sistema democrático, do legislativo municipal e suas comissões internas. Os poderes deveriam ser totalmente independentes e o Legislativo tem a mesma posição e nível dos poderes executivo e judiciário. Ou, pensando bem, até mais, como representante direto do povo. Deveria.

Mais uma sonora "banana" do Executivo local dirigida ao povo. Uma bobeira, uma vez que continuo acreditando que o Senhor Secretário tem todas as condições e capacidade para prestar os obrigatórios esclarecimentos.

Lamento, pois dessa vez julguei, pelos comentários via Facebook, que caminharíamos para a normalidade. Eu desisto. Não insisto.

É a vida...

Viver é Perigoso  

8 comentários:

Anônimo disse...

A Bel Jacarini foi, além de precursora, a 1ª presidente da Transparência Itajubá.

Edson Riera disse...

TI -

Uma grande cidadã.

O Executivo comete um erro crasso em não respeitar o Legislativo.

Zelador

Anônimo disse...

Que vergonha. ..

Edson Riera disse...

Vergonha -

Tentativa de inversão de obrigações ou coisa assim. O Secretário praticamente impôs, mesmo através de convite, que o Vereador e representante do povo fosse até o seu gabinete para conseguir informações. O vereador tem mandato. O secretário, embora competente no setor que atua, amanhã, se desagradar o Prefeito, pode não ser mais.

Vai acontecer como sempre. O Ministério Público vai ser acionado, vai demorar anos, mas uma hora, numa operação dessas, irão prestar esclarecimentos coercitivamente.

Coisa de "Otoridade ", próprias da Administração.

Zelador

Anônimo disse...

A pior secretaria do governo Rieira.

Unknown disse...

Imagino que estamos realmente atravessando uma forte crise. Como estar preparados para uma eleição se o nosso próprio município não leva a sério um legislativo? Realmente viver emuito perigoso.

Anônimo disse...

Como já comentado aqui muitas secretarias sem importância para a chefia superior. Existem só para acomodação política e de amigos fieis. As verbas destinadas para cada são só para manutenção ( custeio ). Zero para investimento. Assim são agricultura, indústria e comercio, meio ambiente, informática, cultura, esporte, etc,etc. Em tempos de crise então nem se fala. Agora quando tem uma obra ou financiamento ganham projeção. Mas atitudes como essa de desrespeito ao poder legislativo levam a mais uma constatação para o descrédito da política. Até porque a chefia foi da vereança por mais de uma vez.

Edson Riera disse...

Mais de uma vez -

Concordo. É o que acontece.

Zelador