segunda-feira, 17 de setembro de 2018

AMIGO É PARA ESSAS COISAS


O Brasil tomou conhecimento que a Polícia Federal apreendeu no Aeroporto de Viracopos, em Campinas, cerca US$ 16 milhões de dólares (aproximadamente R$ 67 milhões) do vice-presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Nguema Obiang. Desse total, o valor de US$ 1,5 milhão em dinheiro vivo ficará detido junto ao Banco Central e as 20 joias e relógios serão leiloados.

Obiang, que teve os bens presos, é filho do ditador da Guiné Equatorial, também, Teodoro (Obiang Nguema Mbasogogo), que está no poder há 32 anos.  

Na Guiné Equatorial, rica em petróleo, com a segunda renda per capita da África, 20% das crianças morrem por falta de comida ou tratamento médico. A taxa de mortalidade infantil beira os 85 por mil. Metade da população desconhece o saneamento básico. 

Porém, Nguema conhece o lado bom da vida. Tem uma casa de US$ 35 milhões em Malibu, na California; seu filho (o de Viracopos), ministro da Agricultura, encomendou um iate de US$ 350 milhões na Alemanha.

Os dirigentes ditadores da Guiné Equatorial se tornaram grandes amigos dos governos petistas, Lula e Dilma. Corrupção lascada envolvendo financiamentos do BNDES e empreiteiras, em especial a OAS. 

Todos lembram, na certa envergonhados, da polêmica em torno do desfile da campeã Beija-Flor (2015), que teria recebido um patrocínio de R$ 10 milhões do governo ditatorial da Guiné Equatorial.

Na ocasião, o ativista guinéu-equatoriano Tutu Alicante falou ao site Conectas que considerou a homenagem ao seu país no Sambódromo, "humilhante":

"Foi horrível, humilhante, um tapa na cara das pessoas do meu país. Não tenho nada contra os brasileiros dançarem ou se divertirem, mas fazer isso com o dinheiro de gente pobre, que não tem educação, saúde e nem liberdade para reclamar desta falta não é certo. E pior, passa a imagem de que vai tudo bem no país, quando não vai."

De vexame em vexame quase enterraram o Brasil. E ainda querem voltar.

Viver é Perigoso

Um comentário:

Anônimo disse...

Imagine qualquer governo que tenha feito acordos com esses ditadores africanos e sul americanos e o PT sendo oposição. Já pensou o que iriam falar num episódio desses?