quinta-feira, 9 de agosto de 2018

LIVRO, PRESENTE DE AMIGO


Como disse Nelson Mandela: "Eu nunca perco. Ou eu ganho ou aprendo"

Bom de ler o livro "As Virtudes do Fracasso" - Charles Pépin

Em 16 capítulos distribuídos nas suas 182 páginas, o autor leva o leitor a lançar um novo olhar sobre a importância do erro. Para isso, ele alia a história da filosofia a casos reais para mostrar que o fracasso não é só uma parada inevitável no caminho para o sucesso: muitas vezes ele é essencial.

Examinando as biografias de personagens como Abraham Lincoln, Charles de Gaulle, Steve Jobs, Thomas Edison, Rafael Nadal, J.K. Rowling, entre outros, o texto explica as diversas formas como uma adversidade pode ser aproveitada: o fracasso pode nos oferecer informações valiosas sobre algo ou sobre nós mesmos, pode revelar um desejo ou oportunidade oculta, ou, simplesmente, pode nos tornar disponíveis para algo novo.

Pépin examina o seu objeto de estudo pelas óticas da filosofia, da psicologia e da pedagogia, convocando Sêneca, Hegel, Kant, Sartre, Nietzsche, Lacan, Freud e outros pensadores para auxiliá-lo, bem como recorrendo a suas próprias experiências como professor e conferencista. O autor também encontra munição para suas reflexões na história, nas ciências, na literatura e na música.

Na confluência do popular e do erudito, AS VIRTUDES DO FRACASSO é uma quebra do silêncio histórico da filosofia sobre as adversidades, uma crítica do atual culto ao sucesso e uma defesa apaixonada da ousadia, da resiliência e da originalidade. (Doki Doki)

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: