sexta-feira, 20 de julho de 2018

ESTRAGANDO O SEU FINAL DE SEMANA


Não esquecendo que esses partidos todos que andam se manifestando e se ajeitando para as próximas eleições (inclusive o pmdb), estiveram juntos nos governos Lula e Dilma. Com o resumo a seguir, entende-se as "doações" (propinas) das empresas citadas aos partidos e seus dirigentes.
Na certa, parte dos recursos foram desviados para as contas pessoais de ditadores de plantão nos sofridos países tomadores dos empréstimos.
Dinheiro desviado do povo brasileiro. Da saúde, segurança, educação.
E os mesmos pulhas estão se apresentando novamente como candidatos.

O Tribunal de Contas da União - TCU examinou 140 contratos de financiamento negociados com o BNDES para exportação de serviços, na quase totalidade obras de infraestrutura no exterior, sobretudo em países latino-americanos e africanos.

Os 140 contratos analisados pelo TCU representavam financiamentos de cerca de R$ 50 bilhões, dos quais, R$ 44 bilhões foram concedidos a cinco países: 
Angola - 14 bi
Venezuela - 11 bi
Republica Dominicana - 8 bi
Argentina - 8 bi
Cuba - 3 bi

Cinco empreiteiras envolvidas na Lava Jato receberam a quase totalidade (97%) dos empréstimos:
Odebrecht - 36 bi
Andrade Gutierrez - 8 bi
Queiroz Galvão - 2 bi
Camargo Corrêa - 2 bi
OAS - 1 bi

O risco de inadimplência ficava por conta do governo brasileiro.

O TCU considerou ilegal o desconto de US$ 68,4 milhões dado a Cuba para construção do Porto de Mariel.

Lula e Dilma renegociaram US$ 1,036 bilhões de dívida, na quase totalidade, de países africanos. Desse volume, US$ 717 milhões foram perdoados.
No governo Lula foram perdoados US$ 436,7 milhões de dívidas de quatro países (Moçambique, Nigéria, Cabo Verde e Suriname). No governo Dilma, US$ 280, 3 milhões.

(dados do Embaixador Rubens Barbosa)

Viver é Perigoso

MUITO BOM DE OUVIR


Estou sempre sintonizado na www.estereosul.com - Rádio Web com programação musical de primeiríssima linha. Lendo ou navegando, uma excelente companhia.

Viver é Perigoso

NAS BARRAS DA LEI

Os municípios mineiros começam a ver resultados por terem ingressado com ações judiciais contra o Estado de Minas Gerais, para cobrar o recebimento dos repasses atrasados do ICMS. 

O município de Itajubá conseguiu que a liminar fosse deferida, quando o juiz local expediu ofício ao Estado de Minas Gerais para bloquear os valores solicitados no caixa estadual.

A decisão foi para o sequestro dos valores no caixa do governo. A Justiça determinou a transferência de R$ 754,1 mil sequestrados.

As ações são para a quitação de transferências constitucionais, uma vez que o ICMS é recolhido pelo Estado e 25% do total arrecadado deve ser automaticamente repartido aos municípios. No último ano, o Estado de Minas Gerais não está repassando o montante conforme determina a Constituição. 

Mais de 160 municípios impetraram ação na justiça e aguardam decisões. Já foram concedidas liminares positivas também aos municípios de Juiz de Fora, São Pedro da União, Ritápolis, Jacuí, Jeceaba, Cruzília, Lajinha, Chalé, Pitangui, Nepomuceno, Indianópolis e Araguari. 

As decisões liminares garantem que o Estado de Minas Gerais repasse os valores arrecadados do ICMS de direito dos municípios até o segundo dia útil de cada semana.

Blog: Como dizia o filósofo, quem não luta pelos seus direitos não é digno deles.

Viver é Perigoso

ELEIÇÕES 2018 - ALIANÇAS

Viver é Perigoso

BANANAS, BANANAS, BANANAS...


Estamos fracos e com a sensação de derrotados. Um dos maiores desatinos já cometidos contra a população foi o fechamento total do trecho da serra na rodovia Itajubá-Piquete., por um período estimado de 4 meses.

Prá quê ? reconstrução de uma ponte caída ? construção de trechos com terceira pista ? obras fundamentais ?

Nada !  assentamento de paralelepípedos e outras coisinhas mais.

Decidido assim: vai ser interrompido e f..... o resto.

Alternativas impostas longas, caras, demoradas.
Precisa ir para o Estado do Rio ? Vá por São Lourenço, Passa Quatro, Cruzeiro, até chegar na Dutra. Precisa ir até Lorena, Aparecida do Norte ? Vá por Taubaté.

Uma afronta !

Por que não programaram obras de forma parcial ? Por que não foi feita previsão de horários permitidos ?
Porque incomodaria a empreiteira e responsáveis e mais: Os bananas que se danem.
Se é que ainda temos o direito, dia chegará em que não poderemos nem mais abrir o bico.

E as autoridades do trecho ? O único trajeto que usam é o para Belo Horizonte e vai bem, obrigado. 

Estamos lascados.

Viver é Perigoso   

O DESEMPREGO PROVOCA A FELICIDADE


Na sua edição desta semana o jornal Itajubá Notícias publicou o levantamento das vagas de emprego em Itajubá desde janeiro de 2013 até maio de 2018, período da gestão Rodrigo Riera.

Foram utilizados como base de dados o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Ficou demonstrado que o saldo obtido entre admissões e demissões, nos 5 anos ficou negativo: 

- 2.768 empregos

Confirmou-se o fracasso da administração na geração e manutenção de empregos. 

O jornal IN, desde o início da atual Administração, em 2013, vem sendo privilegiado por receber em primeira mão, informações sobre implantações (?) de empresas na cidade. Praticamente não foram publicadas três ou quatro edições, sem que o Prefeito ou algum secretário se apresentasse para contar as novidades. Milhares de empregos foram sugeridos como praticamente certos. E nada.

Nesta mesma edição do IN foi publicada uma matéria da Revista Bula, sugerindo a nossa cidade seria um dos 20 municípios mais felizes do Brasil, registrando que embora a felicidade seja um conceito subjetivo, alguns marcadores podem ajudar a medi-la, como qualidade de vida, segurança e estabilidade financeira.

De novo, Sérgio Porto, o impagável cronista Stanislaw Ponte Preta, poderia sugerir que emprego não tem muito a ver com qualidade de vida, segurança e estabilidade financeira.

Sei não, mas estaria confuso por estar difícil ou estaria difícil por estar confuso ? 

Viver é Perigoso

quinta-feira, 19 de julho de 2018

ABOBRINHA


“O Brasil nunca será um país em paz enquanto o companheiro Luiz Inácio Lula da Silva não restaurar a sua liberdade. Eu luto por isso.”

Ciro Gomes - Candidato a Presidente da República

Viver é Perigoso

CANTINHO DA SALA


Depois de mais de 30 anos praticamente esquecida, a obra do pintor paulistano Durval Pereira (1918-1984) volta à tona. Considerado o maior impressionista brasileiro, o maior paisagista do século 20.
O artista é tema de exposição no Memorial da América Latina, em São Paulo. Vai até 18 de setembro. De 3ª a domingo, das 9h às 18h.

Viver é Perigoso

OUTROS TEMPOS E OLHARES DESCONFIADOS


Ninguém mais do que os próprios políticos têm a consciência de que estão com a credibilidade no fundo do poço. Existisse um Serasa ou SPC exclusivamente para cadastramento dos políticos e seus atos, todos estariam com fichas sujas. Ou por ação ou por omissão.

Pelo Facebook, os moradores de algumas cidades do Sul de Minas tomaram conhecimento da visita do candidato tucano ao governo de Minas, Antonio Anastasia. Tipo roteiro "balaiada", ou seja, juntam uma turma numerosa e dão uma passada rápida em Pouso Alegre, Santa Rita, Itajubá, São Lourenço e se der tempo, mais alguma outra.

Na chegada da cidade um assessor passa um papelzinho com o nome das autoridades locais, cita uma característica do local demonstrando boa memória, cumprimentam vereadores citando os seus nomes (assoprados pelo assessor) e vamos que vamos.

Fato interessante vem acontecendo. A visita não é divulgada com antecedência. Uma manifestação contrária organizada por descontentes pode fazer estrago. Possível fosse essas visitas relâmpagos seriam feitas, de preferência, madrugadas adentro. Outro: a comitiva visitante é maior do que a comitiva de visitados.

Com Anastasia, vieram, entre outros menos votados, os Deputados Domingos Sávio, Dalmo Ribeiro e Carlos Arantes, o pré-candidato ao senado Carlos Viana e Dr. Carlos Mosconi, de Poços de Caldas.

Foram recebidos pelo Prefeito Rodrigo Riera, pelo seu vice, Christian Gonçalves e por vereadores e alguns líderes políticos da micro-região.

É a vida...

Viver é Perigoso

QUANDO SETEMBRO VIER

Viver é Perigoso

PADRÃO 25 ANOS



Bodas de Prata - Música maravilhosa e tradicional toque final no Curso de Acordeon da pioneira Professora Dona Ruth Chiaradia, na Rua Miguel Braga, na Boa Vista, é claro.
Os alunos formandos abafavam e chegavam a derramar lágrimas  nas festas de aniversário tocando a sentimental valsa.

Como todos sabem, está virando padrão na Administração Municipal os contratos "bodas de prata", isto é, com 25 anos de duração. Aconteceu na concessão do parque municipal, nos empréstimos tentados junto a Caixa Econômica Federal e ontem, conforme aprovado a toque de caixa pela Câmara Municipal, o contrato de 25 anos para manutenção da iluminação pública.

Recomenda-se apenas que o pessoal no poder, em hipótese alguma, venha a mencionar com críticas, os contratos de administração anterior com a Valônia e a Copasa.

Sei não, mas dançamos.

Viver é Perigoso   

quarta-feira, 18 de julho de 2018

O MEU CANDIDATO


Deu no jornal "O Tempo"

"Lançado há dois meses, o fundo de doações para a campanha de João Batista Mares Guia ao governo de Minas tem tido pouco sucesso: apenas quatro pessoas participaram, com a arrecadação chegando a módicos R$ 2.150 – longe da meta de R$ 150 mil estipulada como objetivo –, sendo a maior doação, no valor de R$ 1.000, tendo sido realizada pelo filho de Mares Guia."

Em outubro, se Deus quiser, irei depositar na urna o meu precioso voto ao Professor Mares Guia. Não tenho dúvida.

Viver é Perigoso 

NOSSA ESCOLA NO CONTEXTO DA AMÉRICA LATINA


Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ficou na primeira colocação no ranking de melhores universidades da América Latina, divulgado nesta quarta-feira (18) pela revista britânica Times Higher Education (THE). 

As universidades brasileiras têm boa colocação no estudo e ocupam seis das dez primeiras posições. No total, o país tem 43 instituições representadas em um universo de 129 avaliadas na América Latina e no Caribe.

A publicação analisou aspectos das instituições em cinco áreas diferentes: ensino (ambiente de aprendizagem); pesquisa (volume, renda e reputação); citações (influência da pesquisa); perspectiva internacional (pessoal, estudantes e pesquisa); e renda da indústria (transferência de conhecimento).

Confira a lista das dez primeiras colocadas:

Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
Universidade de São Paulo (USP)
Pontifícia Universidade Católica do Chile
Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)
Instituto Tecnológico e de Estudos Superiores de Monterrey
Universidade do Chile
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ)
Universidade de Los Andes da Colômbia
Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Em Minas Gerais, além da UFMG que ocupa a 9ª posição, destacam-se Viçosa (21ª), Lavras (44ª) e a Unifei (86ª).  

Viver é Perigoso 

DIREITA E ESQUERDA


Viver é Perigoso

MAIS DO MESMO


Encontrei com um velho amigo petista (de ideias e não filiado), no último domingo, em um Restaurante na Fernão Dias. Conversa vai e conversa vem comentei sobre as dificuldades do Governador Pimentel com o cumprimento das obrigações salariais e as sua inevitável implicação com a eleição que se aproxima.

O meu velho companheiro de outros tempos, deu de ombros e respondeu com um ar de riso e felicidade:

- Quanto a isso está tudo resolvido. O nosso aliado de todo sempre (estava falando do pmdb) já tomou as providências e botou o ex-presidente Antonio Andrade para escanteio. No máximo em duas semanas a Assembléia Legislativa vai aprovar a venda de 30% da Codemig e a securitização da dívida  do Estado. Vão entrar R$ 3 bilhões nos cofres e vai ser uma festa. 
Estamos tentando dar um chega para lá na candidatura da Dilma e colocar um peemedebista no lugar para o senado, ou quem sabe, mesmo numa boquinha de Vice-governador.
Agora, tem uma coisa, o pessoal da sua cidade saiu desgastado e perdeu com a mudança no pmdb. Mas tudo se ajeita.

Despedindo, respondi: - Um abraço, mas esse seu ânimo me trás é mais preocupação.

Viver é Perigoso 

terça-feira, 17 de julho de 2018

ESTÁ DIFÍCIL

Viver é Perigoso

DR. ALDIR BLANC


“Não alimento mais de jeito nenhum esse treco de ‘Ermitão da Muda’ etc. Tem muito folclore e até um pouco de maldade nisso. Eu saio de casa sempre que tenho vontade, o que é raro. Trata-se de uma opção minha. Gosto de ficar em casa, talvez pela vida que tive como médico e, depois, viajando pelo Brasil, apavorado com os aviões. Adoro ficar lendo em casa, e ninguém tem nada a ver com isso. Vivo a vida que escolhi. E aproveito para citar Noel Rosa: ‘Às pessoas que eu detesto, diga sempre que eu não presto…’ Defeco solenemente para a tal ‘visibilidade’ tão falada e que gera oportunismos hediondos. Não preciso disso.”

“Minha rotina é ler, ler, ler e escrever diariamente. Leio quase o dia e a noite inteiros. Então, durmo pouco, umas quatro horas pela manhã. Me dá muito prazer, além de ser uma atividade da minha vida profissional. Nada me deixa mais feliz que livros e leitura, a não ser as filhas, as netas e os netos — são cinco netos: três moças, dois rapazes. Fui avô de quatro deles antes dos 50 anos e tenho um bisneto de 4 anos. Espero ainda ter muitos outros. Quero destacar também a importância de convivência de 30 anos, feitos em março de 2018, com minha Suburbana (Mary Sá Freire). Sem ela não existo. É meu primeiro, único e último amor.”

“O momento do Brasil é merda pura: o ‘pibinho’ de 1,5% vai cair pra zero, a monstruosa e disfarçada quantidade de desempregados, a selva em nossas cidades, um sinistro da inçeguran$ia paspalhão, as mentiras sobre a ‘recuperação da economia’… Temereca é corrupto, sujo, mentiroso, crápula. Os tribunais são sacos de gatos, e aquelas duas casas de tolerância do Plabaixo, pobre povo brasileiro nas mãos de bandos organizados de criminosos impunes.”

Aldir Blanc

Viver é Perigoso

segunda-feira, 16 de julho de 2018

ESPERANÇA



Viver é Perigoso

TEORICAMENTE FALANDO...


Os jornalistas devem recusar qualquer vínculo direto ou indireto, com instituições, causas ou interesses comerciais que possam acarretar - ou dar a impressão de que venha acarretar - a captura do modo como veem, relatam e se relacionam com os fatos e as ideias que estão encarregados de cobrir. A independência é, de fato, a regra de ouro da nossa atividade. Para cumprir a nossa missão de levar informação de qualidade à sociedade precisamos fiscalizar o poder. A imprensa não tem jamais o papel de apoiar o poder. A relação entre mídia e governos, embora pautada por um clima respeitoso e civilizado, deve ser marcada por estrita independência.

Carlos Alberto Di Franco - O Estado de São Paulo

Viver é Perigoso

DESLOCAR TAPETES É O NOSSO NEGÓCIO


Puxaram o tapete do Antonio Andrade, presidente estadual do PMDB. Transbordando de credibilidade, o presidente nacional do partido, Senador Jucá, designou uma Comissão Provisória Estadual composta pelos seguintes membros: José Saraiva Felipe – como presidente, João Magalhães, como tesoureiro, Leonardo Quintão, Newton Cardoso Junior, Iran Barbosa, Lonídio Bouças e Tadeu Martins. 

O PMDB segue firme, forte e desunido em Minas Gerais. Uma parte saltou para o colo do Anastasia e outra segue de braços dados com o Pimentel.

De qualquer modo, como acontece há séculos, o partido, na próxima legislação, estará próximo do aconchegante conforto do poder.

Para os fracos de memória, o Sr. Antonio Andrade continua sendo o vice-governador de Minas Gerais e, de certa forma, também responsável pelo o que aí está.

É a vida...

Viver é Perigoso

CAMPEÕES

Viver é Perigoso

domingo, 15 de julho de 2018

MOÇAS BONITAS AO NATURAL

Drew Barrymore e Cameron Diaz
Viver é Perigoso

sábado, 14 de julho de 2018

É A POLÍTICA, IDIOTA !


Comentado em Belo Horizonte:

A ordem unida na oposição é sangrar o governador do PT até a sua morte nas urnas. A ofensiva anti-Pimentel vem numa escalada. 

Ontem, galgou novo degrau com o presidente da AMM, Julvan Lacerda, responsabilizando o governo estadual também por futuros atrasos de salários nas prefeituras mineiras. 

Julvan previu que os municípios vão ter dificuldades para pagar o pessoal a partir de agosto. E já antecipou a reação dos prefeitos da AMM, botando a culpa no governo estadual que não repassa dinheiro aos municípios.

Entenderam a razão da comentada reunião da próxima segunda-feira na terrinha ?

Viver é Perigoso

PRÁ NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DAS FLORES

Boa Vista - Itajubá (Foto Saulo Caridade)
Vide a Bula

A revista Bula reuniu em uma lista os municípios mais felizes do Brasil. Embora a felicidade seja um conceito subjetivo, alguns marcadores podem ajudar a medi-la, como qualidade de vida, segurança e estabilidade financeira. Sendo assim, cruzamos os dados de três pesquisas para chegar aos resultados: O Atlas de Desenvolvimento Humano no Brasil de 2013, divulgado pelo PNUD, que classifica as cidades brasileiras de acordo com o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) —, ou seja, renda, longevidade e educação; o Atlas da Violência 2018, que clássica as cidades mais violentas e mais pacíficas do país; e uma pesquisa divulgada em 2017 pela empresa de consultoria Macroplan, que elegeu as 100 melhores cidades brasileiras para morar. É importante lembrar que a seleção, embora baseada em dados estatísticos, não tem intenção de ser definitiva, tampouco segue padrões científicos de análise. As cidades estão organizadas em ordem alfabética, sem obedecer a critérios classificatórios.

Águas de São Pedro - SP
Americana - SP
Araraquara - SP
Camboriú - SC
Blumenau - SC
Botucatu - SC
Brusque - SC
Carlos Barbosa - RS
Fernando Noronha - PE
Itajubá - MG
Joaçaba - SC
Jundiaí - SP
Marília - SP
Maringá - SP
Presidente Prudente - SP
São Caetano do Sul - SP
Santos - SP
Valinhos - SP
Vila Velha - SP
Vinhedo - SP

O município de Itajubá é o 85º com melhor Índice de Desenvolvimento Humano. Além disso, está entre as 50 cidades do país no quesito bem-estar.

Blog: Levantamentos feitos antes da existência do Parque Municipal e da criação dos cinemas. Hoje, com certeza, hoje a cidade obteria resultados ainda melhores. 
Se houvesse uma política de desenvolvimento voltada para a geração de empregos chegaria próximo do paraíso.

Viver é Perigoso 

CANTINHO DA SALA

Joan Miró - Manoletina (1969)
Viver é Perigoso

JOGADINHA ENSAIADA


Corre pelos meios eletrônicos convocação para uma Reunião que seria realizada no Teatro Municipal na próxima segunda-feira, dia 16, às 16:00 horas.

Foi convocado meio-mundo da Administração Municipal, desde secretários, assessores, pessoal da saúde, vigilantes, professoras e pasmem, um toque foi dado na imprensa escrita e falada, mais chegada. Na certa, alguns leais vereadores estarão presentes. Até quem já morreu está sendo chamado.

Em princípio seria para a apresentação de eventuais dificuldades financeiras decorrentes das falhas nos obrigatórios repasses devidos pelo Governo Estadual.

Sinceramente ? Uma vez que o assunto e o descaso do Governo Pimentel no cumprimento do sagrado compromisso do pagamento de salários é conhecido de todos, esse convescote cheira a campanha política visando o pleito de outubro próximo.

Sabem como é, possível presença do candidato guru/federal e confirmação dos candidatos estaduais do Prefeito.

Claro que se trata de um encontro pré-eleitoral a ser realizado em instalações públicas e durante o expediente normal de serviço. Pode isso Arnaldo ?

As orelhas do Pimentel, Odair, Ulysses e até do candidato Dr. Ricardo irão arder. Na certa não esquecerão e citarão o afastamento do Delegado Bossi. Lógico, que para não perder o costume, alguma ameaçazinha será feita.

Mas, enfim, é a vida...

Leremos sobre os acontecimentos na próxima quarta-feira.

Viver é Perigoso      

POIS É ...

Viver é Perigoso

sexta-feira, 13 de julho de 2018

DESEMBARCANDO



Portaria nº 478/2018 de 13/07/2018 

Rodrigo Imar Martinez Riera, Prefeito Municipal de Itajubá, Estado de Minas Gerais, usando das atribuições que lhe são conferidas por Lei, resolve :

Exonerar a pedido, o Sr. Renan Longuinho da Cunha Mattos, do cargo de Procurador Geral do Município.
 
Blog: Ou saiu de vez, ou irá ocupar outro cargo na Administração. Veremos.

Viver é Perigoso

MOMENTOS MÁGICOS DO ROCK



Viver é Perigoso

E A JOHNSON & JOHNSON, HEIN ?


Veredicto em massa contra a Johnson&Johnson na batalha legal que está sendo travada nos Estados Unidos por casos de cancêr de ovário em mulheres que usaram o talco da marca, um dos produtos mais emblemáticos do conglomerado de saúde. Um tribunal do Missouri condenou a empresa a pagar 4,69 bilhões de dólares (18,2 bilhões de reais) a 22 mulheres que supostamente contraíram tumores malignos depois de usar um talco com amianto vendido pela gigante dos produtos de higiene e farmácia. 

A empresa, que já anunciou que vai recorrer da sentença, enfrenta 9.000 processos judiciais relacionados ao uso desse produto para bebês. Esta foi a maior punição já imposta à farmacêutica por esse assunto.

O júri popular decidiu que os afetados seriam compensados com 550 milhões de dólares como indenização pelos danos causados. A essa quantia, ele acrescentou mais 4.140 milhões, como sanção à empresa por não alertar aos usuários do produto de que o talco aumentava o risco de câncer de ovário.

Seis das denunciantes morreram e 17 delas não são do Missouri, um estado onde os tribunais são geralmente muito receptivos a este tipo de ação coletiva. O veredito veio depois de cinco semanas de depoimentos especializados de ambos os lados. Mark Lanier, advogado das mulheres, acusou a J&J de "encobrir por mais de 40 anos evidências da existência de amianto em seus produtos".

A batalha legal é monumental. A Johnson&Johnson enfrenta mais de 9.000 processos nos Estados Unidos. Em sua defesa, a empresa usa o argumento de que o talco é um produto seguro e livre de amianto. A agência que supervisiona a segurança alimentar (FDA, na sigla em inglês) realizou um estudo com uma amostra do produto em que não detectou a presença dessa fibra carcinogênica. "É tudo uma conspiração", diz Bart Williams, advogado da J&J.

O talco é um mineral muito próximo do amianto no processo de mineração. Nem todas as denúncias vinculam essa substância cancerígena ao câncer de ovário e, de fato, as táticas dos advogados foram mudando nos processos. Mas, neste último julgamento, a acusação argumentou que as substâncias se misturaram no processo de mineração e depois foi impossível separá-los. A J&J negou categoricamente a acusação e explicou que garante um processo limpo de purificação.

O uso do amianto foi banido durante décadas em muitos dos países devido a sua alta toxicidade e porque a fibra é potencialmente carcinogênica.

Os estudos realizados até o momento sobre a relação entre pó de talco e câncer são pouco conclusivos. A American Cancer Society aponta, a este respeito, que, alguns detectaram algumas evidências de que pode aumentar os riscos de contrair a doença, mas há muitos outros que não conseguiram provar isso. 

Deu no El País

Viver é Perigoso

DIA MUNDIAL DO ROCK

Viver é Perigoso

PARTIDO POLÍTICO HOJE É DOENÇA, É LEPRA

 Antonio Anastasia, Carlos Viana e Alexandre Kalil
Aconteceu o lançamento da pré-candidatura de Carlos Viana ao Senado. Anastasia, pré-candidato ao governo de Minas pelo PSDB esteve presente.

Na oportunidade, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, reafirmou que vai ficar neutro na disputa na eleição para o governo e disse:.
 
Vamos parar com esse negócio de que um está atrelado ao outro porque partido político hoje é doença, é lepra, quanto mais os candidatos se personalizarem e se separarem dos partidos políticos melhor para eles. Já ficou claro que os apoios de padrinhos políticos não definem as eleições. Apoio, coronelismo  e tirar do fundo do colete, vimos que não funciona, tem que parar com isso. O cara tem que fazer a campanha dele, se identificar com o povo. Não tenho motivo para apoiar ninguém e não quero. Tenho trabalho a fazer na prefeitura. Os governadores não tem a menor condição de ajudar BH, o máximo que vamos pedir ao que for eleito até que pague o que deve e se fizer isso já estará fazendo um ótimo trabalho.

Viver é Perigoso

E POR FALAR EM JUSTIÇA ...

Viver é Perigoso

NAQUELA MESMA PRAÇA


Leitura ácida e cansativa o romance "Naquela mesma praça". Entediante as cansativas páginas obrigando o leitor a consultar os detalhados anexos para entender os jogos de planilhas e direcionamentos. 

Na certa  e em breve, professores e especialistas deitarão sobre a obra (êpa!) e propiciarão aos interessados leitores o acesso a um resumo da obra.

Confesso que não apreciei o texto. 

A conclusão final não apresentou nenhuma surpresa. 

Viver é Perigoso 

DISSERAM :


Quando em um país perde-se a medida para distinguir o bem do mal, onde a Justiça pode ter muitas caras e a ética aparece doente e desprezada, a democracia corre perigo de morte e abrem-se as portas dos fantasmas autoritários.

Juan Arias - El País

Viver é Perigoso

quinta-feira, 12 de julho de 2018

ÊPA !


Informado ao "Viver é Perigoso" que o Dr. Carlos Viana, candidato ao Senado por Minas Gerais pelo PSC esteve esta semana na terrinha no lançamento da candidatura do Dr. Roberto Bob para Deputado Estadual. Ainda não tivemos a oportunidade de conhecer os candidatos.

A foto indicou a presença do Prefeito Rodrigo Riera no evento realizado na cidade. Até aí tudo bem, não fosse rumores sobre uma possível desistência do, até então, candidato do Prefeito ao cargo de Deputado Estadual.

Possibilidade carente ainda de confirmação.

Viver é Perigoso 

MOMENTOS MÁGICOS



Viver é Perigoso

CANTINHO DA SALA

Jacqueline Orr
Viver é Perigoso

DESCULPANDO-NOS PERANTE AOS TRAPALHÕES ORIGINAIS

Viver é Perigoso

TEMOS QUE SOBREVIVER, ENTENDE ?


Trata-se de uma pessoa correta e estimada por grande parte da população como empresário trabalhador. Eleito vereador nas ocasião em se dispôs a concorrer. Foi eleito inclusive no penúltimo pleito, renunciando ao mandato às vésperas da posse. 

Escrevo sobre o Vereador José Roberto Floriano, o Zé Pequeno, que assinou ontem, pela sua empresa, o Contrato Nº 048/2018 com a Prefeitura Municipal de Itajubá, no valor de R$ 649.333,97, para prestação de serviços de recomposição de pavimentação em bloquetes, paralepípedos e assentamento de meio-fios.

Tudo legal, com o Contrato obedecendo aos termos da Justificativa para abertura de Processo Licitatório nº 69/2018, na modalidade TOMADA DE PREÇOS nº 05/2018, com fundamento na Lei Federal nº. 8.666/1993 – Lei de Licitações.

Independente da seriedade conhecida do Vereador Zé Pequeno, fica difícil imaginar, partindo ou contando com a sua concordância, de algum questionamento ao Executivo, partindo da premissa que a principal função do legislativo municipal seria a de exercer a fiscalização.

Mais adiante, como os órgão da comunicação escrita e falada da cidade, praticamente todos eles com contratos para divulgação, etc, dos atos do município, podem sequer pensar  em divulgar algo ou emitir posição que venha a contrariar o vigilante contratante ?

É difícil sobreviver na área sem a participação garantida de contratos públicos. 

A situação vem a exigir do cidadão uma atenção especial e uma análise criteriosa, quando de notícias e posicionamentos.

É a vida...

Viver é Perigoso  

É A POLÍTICA, ESTÚPIDO !



Conforme já adiantado, o delegado Rodrigo Bossi, foi retirado do comando do Departamento de Investigação sobre Fraudes no Estado de Minas Gerais. 

Bossi, foi o responsável pela costura do acordo de delação premiada entre a Polícia Civil e o operador do mensalão Marcos Valério e também era o encarregado de investigações acerca de denúncias envolvendo administrações do PSDB e PMDB em Minas, estando à frente, inclusive, da Operação Soledade em Itajubá. 

Desde segunda-feira, o delegado foi remanejado para o Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa. 

Interlocutores ligados à Polícia Civil afirmam que a retirada de Bossi da delegacia de fraudes partiu de uma espécie de “acordão” entre a base do governo de Minas e a oposição na ALMG, que trancava a pauta de votação na Casa havia alguns meses.

O acordo foi confirmado por membros da base do governo na Casa, sob anonimato. De fato, aliás, na segunda-feira, iniciou-se um movimento de destrancamento de pauta na ALMG. 

Entre as propostas desejadas pela administração Fernando Pimentel está, principalmente, a venda de parte da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), tratada pelo governo como primordial para o ajuste financeiro do Estado.

Lembrando, o Delegado Bossi, acertou com o condenado pelo mensalão Marcos Valério, o acordo de delação premiada com a Polícia Civil em março deste ano. Na negociação, ele prometeu entregar esquemas de corrupção nas estatais mineiras entre os anos de 1998 e 2014, além de possíveis irregularidades na construção da Cidade Administrativa. 

Nos termos revelados, a delação citava políticos de Minas que, até então, não apareciam entre as principais figuras dos casos, como o ex-secretário de Estado de Governo Danilo de Castro (PSDB), o ex-deputado estadual e conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Mauri Torres (PSDB) e o ex-ministro dos Transportes e ex-deputado Anderson Adauto (sem partido). 

Rodrigo Bossi nasceu em Belo Horizonte em 1968. Aos 22 anos, viajou aos Estados Unidos e serviu nas Forças Armadas do país durante a Guerra do Golfo. Aos 33, se formou em direito e passou no concurso para atuar como delegado. 

Na década passada, chegou a atuar como assessor do então secretário de Estado de Defesa Social, Antonio Anastasia.

(extraído do jornal O Tempo)

Viver é Perigoso

quarta-feira, 11 de julho de 2018

STF TERÁ NOVO PRESIDENTE

Viver é Perigoso

COISAS QUE NUNCA ESPERÁVAMOS LER


"O País segue joguete da marca de Caim. Não há conflito elevado entre concepções do Direito e sua relação com as questões morais. Há soberba de infelizes juízes que, devendo obséquios a culpados,, levam a magistratura a contribuir para a radicalização política aceitando petições atravessadas por poderosos como se a toga fosse traje de bordel sem alvará."

Paulo Delgado - O Estado de São Paulo

Viver é Perigoso

terça-feira, 10 de julho de 2018

ACREDITE SE QUISER


Depois de um longo e tenebroso inverno, aconteceu um furo no controle de acesso de pessoas não gratas à Administração Municipal aos microfones de uma emissora de rádio local.

O ex- prefeito Chico Marques e Vereador afastado aguardando recurso jurídico, foi entrevistado hoje na Rádio Itajubá AM. 

Todos sabem do controle absoluto exercido pela atual Administração na programação das rádios, no tocante a citações e entrevistas. Constam do "index" pessoas que ousaram e cometeram o crime de questionar atos do Executivo local. 

Surpresa total a presença no ar do ex-prefeito Chico.

Caso não tenha sido "algo que escapou", merece cumprimentos o posicionamento do Dr. Zambrana, também Vereador e responsável pela emissora. 

Sem dúvida que represálias serão colocadas em prática. Fazer o quê ? 

Passo a passo a liberdade de informação tem chances de ser reconquistada.

Viver é Perigoso 
 

PODE SER...

Viver é Perigoso