sábado, 19 de maio de 2018

EXCESSO DE COMPETÊNCIA


Fomos contemporâneos do Manoel Zaroni na nossa Escola. Um profissional sucesso e já considerado um dos maiores dirigentes do setor elétrico mundial.

Para nós, o Mané - que rima com Maria da Fé - sua terra, foi eleito, na última Assembleia da estatal, para o Conselho de Administração da Eletrobrás.

Todos sabem que a empresa, por questão até de sobrevivência, encontra-se em processo de privatização.

Acontece que o Manoel Zaroni é também Vice-Presidente do Conselho de Administração da Engie, maior geradora privada de energia do País e interessada nos ativos da Eletrobrás.

Especialistas dizem que a presença do Zaroni no Conselho da Eletrobrás pode, por exemplo, suscitar ações de outras companhias que se sentirem preteridas nas negociações dos ativos a serem colocados à venda pela estatal.

Bom seria o Manoel Zaroni ficar só no Conselho da Eletrobrás e ajudar o Brasil a se desvencilhar desse trambolho.

(dados do Estadão)

Viver é Perigoso

Um comentário:

Edson Riera disse...

Aí tem -

Confesso que estou por fora da Aciei. Devem estar cuidando das causas internas. O Carlos Eduardo é um empresário de sucesso e está na parceria da Inovai. A nossa Escola foi reconhecida como a melhor Universidade de Minas Gerais.

Zelador