quinta-feira, 26 de abril de 2018

VENTOS DE GUERRA


É questão de tempo. Acontecerá com, praticamente, todos os políticos brasileiros que ocupam ou ocuparam posições com poder de decisão.

Serão acusados, denunciados, julgados e punidos. É a vida nos novos tempos.

Hoje quinta-feira (26), a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Minas Gerais acolheu  o pedido de impeachment do governador petista Fernando Pimentel. 

A razão do pedido, que foi protocolado na Casa no início do mês, leva em conta os atrasos em repasses de recursos à Assembleia e ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais.

Com certeza trata-se de disputa política por espaço nas próximas eleições. Iniciativa do pmdb, que esteve ocupando diversas secretarias no atual governo e com a perspectivas de mudanças, tenta como é do seu estilo, se ajeitar. 

A Assembleia tem 15 dias até o início do funcionamento da Comissão Especial que irá analisar o pedido. A comissão será formado por sete deputados a serem indicados pelos líderes dos blocos. Três integrantes serão do bloco governista, dois do bloco de oposição e outros dois do bloco independente. 

A expectativa é de que os trabalhos desta comissão comecem a funcionar a partir de 16 de maio.

Claro que deverão se compor. Sempre acontece. 

Trazendo o acontecimento para perto, ainda não vemos razões para festa na Administração local, que está atualmente, arqui-inimiga da governo estadual. Se acontecer o rompimento entre o pt e o pmdb no Estado, a recomendação mínima e prudente será a recomendação para tirar as crianças da sala. 

Veremos.

Viver é Perigoso  

Nenhum comentário: