quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

DEU VALENTIA NO PEDAÇO


Hoje, comprei e li o jornal Itajubá Notícias. Trata, entre outros temos,  do acontecido na última reunião na Câmara Municipal.
Aconteceu o que acontece em anos de eleições. Alguns vereadores, destemperadamente, abriram a caixa de ferramentas, atacando o Deputado Ulysses Gomes e o Governador Pimentel.
Logicamente, ao se posicionarem, deram um prolongado olhar para as bandas do Pinheirinho, observaram um certo de ar de aprovação e desceram a lenha. É a vida.

Para se ter uma ideia, o Presidente da Casa, engavetando a liturgia do cargo, tratou o Governador por "Pilantrel " e reafirmou que o Deputado Ulysses não tem cumprido com suas promessas.

O recém-chegado na Câmara e antigo assessor de confiança do Prefeito, Sr. Rodrigo Melo, foi mais longe. Reforçou, segundo o jornal, que o Deputado Ulysses teve 12.000 votos na última eleição. Estaria lá há oito anos e só trouxe para Itajubá, no período, meia dúzia de bolas de futebol.

O que esse arroubo juvenil quer dizer ? Sob orientação superior começou a campanha do Bilaquinho para Deputado Federal. Não sei como os edis caíram nessa.

Muita injustiça com o Deputado Ulysses. Somos todos testemunhas, de que mesmo sendo objeto de processo na justiça promovido pelo Sr. Prefeito, tem, dentro de suas possibilidades, contribuído para com o município.

Não é por aí gente. Como não têm ingênuos e bonzinhos do lado ora atacado, que os atacantes deixem às mãos, caixas de primeiro socorros.  Vai sobrar para eles.

Quanto a terrinha ? Não é tão importante assim.

Viver é Perigoso

   

4 comentários:

Edson Riera disse...

Marco Antonio,

Grato pelo envio de uma fotografia nítida e atual da política itajubense. Sobre a atuação de familiares do Vereador no setor público eu não acompanhei. Mas, se aconteceu, é coisa normal na política brasileira. Tomara que as pessoas tenham conseguido as posições por concurso ou por especialização na área em que atuam.

Zelador

Anônimo disse...

Muita injustiça com o Deputado Ulysses. Somos todos testemunhas, de que mesmo sendo objeto de processo na justiça promovido pelo Sr. Prefeito, tem, dentro de suas possibilidades, contribuído para com o município.

Também acho, alias os 2 anos no cargo mais importante na ALMG o ajudou a ajudar em muito nossa terrinha e região, (não me pergunte nada) o mais importante ultimamente foi votar a favor do aumento da gasolina, em MG, ja fez demais...merece continuar sua luta em prol dos mineiros petistas. Viva!

Edson Riera disse...

Viva -

Também não gosto de aumento de impostos. Quanto ao ICMS, não se esqueça que quem paga é o consumidor. Não é do dono do comércio, que só tem a obrigação de recolhe-lo. Então, se não sabe fique sabendo, que uma parcela substancial do ICMS volta para a Prefeitura do Municipio, para pagar assessores, funcionários, o Prefeito e outros gastos. Se sobrar é capaz de ter até algum investimento. Outra parte vai para o Estado, mais ou menos com o mesmo fim. Então, pensando à galega, o deputado ajudou o município.
Não me interessa de que partido o cidadão pertence. O importante é conhecer seu comportamento.

Zelador

Anônimo disse...

Então, pensando à galega, o deputado ajudou o município.

Que bom Zelador, palmas, vamos aumentar todos os impostos de todos os produtos para que o retorno do ICMS para as prefeituras aumentem...e com isso os investimentos...
Agora, salários, renda,empregos, deixa pra lá....