terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

CUIDADO COM O SENSO COMUM

De tempos em tempos, surge um livro que nos obriga reexaminar nossas explicações para o que acontece e a maneira como chegamos a elas. E mesmo que não seja sempre agradável perceber os muitos equívocos que cometemos, é útil identificar os casos em que nossa experiência, conhecimento e intuição nos fazem errar. Disse Dan Ariely, professor da Universidade de Duke.

Para se ter uma ideia, está na contra-capa do livro "Tudo é Óbvio" - da Editora Paz & Terra.

"Todos somos farinha do mesmo saco, mas os opostos se atraem. O que está longe dos olhos está perto do coração, mas o que os olhos não veem o coração não sente. Pense duas vezes antes de agir, mas quem pensa demais vive de menos.
Mas isso não é necessariamente uma contradição, pois invocamos diferentes provérbios em diferentes circunstâncias.
Como nunca especificamos as condições sob as quais um provérbio se aplica e outro não, não temos como descrever o que realmente pensamos ou porque pensamos.
Em outras palavras, o senso comum não é tanto uma visão do mundo quanto é um saco de crenças logicamente inconsistentes, por vezes contraditórias, cada qual parecendo apropriada em um momento, mas sem garantias de que estará certa em qualquer instante."

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: