domingo, 8 de janeiro de 2017

VISITANTE DESCONHECIDO NO NATAL

Como o Papai Noel ele esteve esteve presente em grande parte dos lares brasileiros neste final de ano. Reza a lenda que o bom velhinho vive no Pólo Norte. O nosso herói e brasileiro e tem origem no sul. Mais precisamente, em Santa Catarina.
Nenhum dos dois foi jamais visto vivo. 
Um deles foi perpetuado através de histórias, filmes e cartões natalinos. Sempre de vermelho com detalhes em branco, longa barba branca, barriga saliente e um ar sonhado de avô. 
Ainda assusta as crianças.
O outro, não tem a barriga saliente e sim o peito. Aparece abatido nas propagandas e nas nossas casas. Ninguém nunca o viu durante a sua vida. Imagens e fotografias inexistem. Importante presença nas festas natalinas. Não possui ar de bondoso, mas de saboroso.
Nossa homenagem ao ao "Herói Natalino Desconhecido", mais conhecido como Chester.

Viver é Perigoso 

PORQUE HOJE É DOMINGO



Viver é Perigoso

LÍNGUA MORTA


Bom de ler e ter às mãos para consulta, o Pequeno Dicionário Brasileiro da Língua Morta, do mineiro Alberto Villas. 
Villas, procurou reunir palavras que considera hilárias e curiosas que caíram em desuso.
Interessante para descobrir, com boa dose de acerto, a idade das pessoas. É só citar e observar a reação das pessoas. Vamos dar sequência.

Por exemplo, o que significa "ajuizado" ?

" Toda mãe de moça solteira sonhava com um pretendente ajuizado. Ajuizado era aquele cara que andava na linha. Educado, gentil, estudioso, comportado. Mesmo quando a juventude se rebelou, deixou o cabelo crescer, vestiu calça Lee desbotada, pegou estrada, pendurou o poster de Che Guevara no quarto, fumou o primeiro baseado, o ajuizado continuou comportado. Hoje, o ajuizado é chamado de coxinha. "

Nunca tive muito juízo.

Viver é Perigoso