sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

VENTOS DE GUERRA


Perspectivas de reflexos na terrinha.

O presidente da Fiemg, Olavo Machado, indicou ontem que pode “chamar” as eleições na entidade no início de fevereiro, para que o pleito ocorra no começo de abril. Assim haveria um tempo de mais de um mês para a transição de diretoria. O mandato de Olavo termina no dia 26 de maio. Pelas regras, as eleições são marcadas com 60 dias de antecedência.

A abertura oficial da campanha deve revelar com mais nitidez as forças e os apoios de cada uma das chapas em disputa: a da situação encabeçada por Alberto Salum e a de oposição liderada por Flávio Roscoe. As chapas de diretores devem ser registradas até 30 dias antes da eleição. E aí se saberá quem está com quem. Hoje, tem eleitor na lista de apoio dos dois lados.

Raquel Faria - O Tempo

Viver é Perigoso

8 comentários:

Anônimo disse...

É bom prestarmos atenção nessa eleição. Comenta-se a boca pequena que a chapa de oposição é contra as ações e projetos tocados pela atual diretoria. Laboratório de alta tensão na mira dos opositores. observador da cena.

Edson Riera disse...

Observador de Cena,

Poucas das importantes coisas que acontecem na terrinha têm origem local. Há tempos que passamos a repercutir os trovões que soam distantes.

Caso não cheguem a um acordo na Fiemg, com a composição das duas chapas (o que sempre acontece), e vencendo o pleito a chapa opositora, poderemos ter mudanças na ordem de prioridades dos investimentos e mudanças no comando de diversas entidades espalhadas pelo Sul de Minas. É bom nem citar a Siva Power.

Zelador

Anônimo disse...

Zelador q interessante! A fiemg há anos está nas maos do mesmo graças ao Robsom e Ary q brincam com Itajuba pois na verdade os investimentos são para Pocos , PA, SRita e etc! Ta na hora deste povo q mama nestas tetas dar um tempo não ? São os mesmos há anos , será q não é bom RENOVAR? Já não basta a mesma turminha na AC, CDL e etc? Chegaaaaa, vamos respirar novos ares e deixar este povo ir brincar com os netinhos! Eu heim

Anônimo disse...

Diz uma parábola judaica que certo dia a mentira e a verdade se encontraram.
A mentira disse para a verdade:
– Bom dia, dona Verdade.
E a verdade foi conferir se realmente era um bom dia. Olhou para o alto, não viu nuvens de chuva, vários pássaros cantavam e vendo que realmente era um bom dia, respondeu para a mentira:
– Bom dia, dona mentira.
– Está muito calor hoje, disse a mentira.
E a verdade vendo que a mentira falava a verdade, relaxou.
A mentira então convidou a verdade para se banhar no rio. Despiu-se de suas vestes, pulou na água e disse:
-Venha dona Verdade, a água está uma delícia.
E assim que a verdade sem duvidar da mentira tirou suas vestes e mergulhou, a mentira saiu da água e vestiu-se com as roupas da verdade e foi embora.
A verdade por sua vez recusou-se a vestir-se com as vestes da mentira e por não ter do que se envergonhar, saiu nua a caminhar na rua.
E aos olhos de outras pessoas era mais fácil aceitar a mentira vestida de verdade, do que a verdade nua e crua.

Edson Riera disse...

Eu hein ?

Renovar sempre é bom. Surgem novas ideias, novas lideranças, provoca debates e afasta acomodações.
Meu primeiro emprego como engenheiro foi no Sinaees - SP, que funcionava no Prédio da Fiesp. Fiquei poucos anos e deu para sentir como funciona a máquina. Continuei ligado a outros sindicatos, não mais como funcionário. Os tempos eram outros, mas já existia o apego ao poder.
Seríamos injustos em não reconhecer os investimentos ocorridos na terrinha, no Sesi, Sebrae, Senai. O projeto do laboratório de alta-tensão do Senai é muito bom.
Natural as mudanças de pessoas, desde que buscando sequência nas coisas interessantes feitas.

Zelador

Edson Riera disse...

Verdade Nua e Crua,

Parábola interessante que corre pela internet. Não sei onde o anônimo quis chegar, mas a provável existência de duas chapas (batendo de frente) na Fiemg é uma verdade. Que poderão acorrer mudanças, de acordo com o resultado, é uma verdade.

Tentar visualizar um futuro próximo é uma obrigação de pessoas responsáveis. Serve como alerta para a tomada de providências diversas.

Incomoda muitas vezes.

Zelador

Anônimo disse...

Já passou da hora de sindicatos , associações etc q sao verdadeiros cabides de emprego e centros de corrupção, não servem para nada ! Tudo dominado! Ta loko meu.

Edson Riera disse...

Tá loko meu,

O sistema exige.

Zelador