quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

PRÁ NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DAS FLORES


Por que não ? Temos matéria prima abundante e espírito de desenvolvimento.

O governo de Minas assinou hoje em Esmeraldas, na região metropolitana de Belo Horizonte, um termo de cessão e uso de área para instalação do Parque Tecnológico da Reciclagem.
O empreendimento será instalado no Centro Educacional de Esmeraldas - Fazenda Santa Tereza.
De acordo com o governo, o Parque Tecnológico da Reciclagem Popular a ser instalado em Esmeraldas inova nos aspectos de integrar em seu espaço todas as possibilidades de reutilização, reúso e reciclagem, sendo um campo aberto de diversas experimentações, que vão desde o tratamento de resíduos orgânicos para a produção de alimentos saudáveis a geração de energias limpas, aproveitamento de água da chuva e restos de podas, arquitetura verde, produção de móveis de ecodesign, manejo sustentável de pequenas criações, estudos de reciclagem do vidro, pneus, resíduos de construção civil, produção de trabalhos artesanais de material de reúso, permacultura e conservação florestal, entre outros.
Trata-se de uma iniciativa pioneira no Brasil.
O Ciclos Parque Tecnológico de Reciclagem Popular é uma iniciativa do Instituto Nenuca de Desenvolvimento Sustentável e do Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis, em parceria com o governo de Minas, por meio da Fundação Educacional Caio Martins (Fucam), com a contribuição da Prefeitura Municipal de Esmeraldas.
(Diário do Comércio)

Viver é Perigoso

Um comentário:

Edson Riera disse...

Comigo não Hein ?

Sei não. Como dizia o Chico nos seus tempos de lucidez: Já conheço os passos dessa estrada e sei que não vai dar em nada...

Zelador