quarta-feira, 20 de dezembro de 2017

NÃO HÁ RAZÃO PARA SER PESSIMISTA


Escreveu (mais ou menos assim), o sábio Millôr Fernandes:

Não há por que tirar conclusões pessimistas sobre tantos assaltos. 
Se se assalta é porque há o que assaltar, e se assalta muito é porque há muito o que assaltar. 
Se aumenta cada vez mais o número de assaltantes isso, óbvio, obedece as leis do mercado. E de duas, uma; ou aumentou muito o número de assaltáveis ou tem rico muito rico sendo assaltado mais de uma vez. 
De qualquer maneira, pode-se afirmar que até hoje nem todos os ricos foram assaltados e, portanto ainda pode aumentar o número de assaltos e assaltantes. 
Quando o número de ambos começar a declinar, aí sim significa que entrou em cena a decadência do mercado; a oferta é maior do que a procura. 
Hoje, a procura é maior do que a oferta: há mais assaltantes procurando assaltáveis do que assaltáveis disponíveis. 
Até lá não há por que ser pessimista. 

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: