terça-feira, 24 de outubro de 2017

MUDOU PARA PIOR


Este homem tem um nome homérico - Ulysses. Vai aparecer hoje no maior picadeiro do país, a televisão, representando o maior bordel do país, o Congresso. Vai tentar um salto mortal duplo de costas - coisa trivial prum atleta circense, impossível prum parlamentar. Vai tentar explicar o inexplicável. Justificar o injustificável. Desmentir o indesmentível. Não há prestidigitação retórica ou malabarismo filosófico que o salve. Este homem é um dos criadores e uma das vítimas das deformações de Brasília-Poder, Brasília-conivência. Vamos ouvi-lo com respeito, e sem esperança.

Millôr (Jornal do Brasil em 1985)

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: