segunda-feira, 18 de setembro de 2017

UM HOMEM DE VALOR


Manoel Zaroni Torres, para os amigos, simplesmente Mané. De Maria da Fé e formado pela nossa Escola.

Foi lançado no final de agosto o livro "Foco nas Pessoas, Olhos no Futuro", escrito pelas jornalistas Duda Hamilton e Núbia Silveira. O livro conta a história do Mané, que fez carreira no setor elétrico brasileiro sendo reconhecido internacionalmente como um dos mais importantes executivos do País e do mundo. Zaroni, chegou a ser considerado o quarto melhor da América Latina e o 29.º do mundo. 

Depois de formado em Engenharia Elétrica, Zaroni trabalhou em apenas duas empresas: Furnas, onde chegou como empregado do Laboratório de Medidas Elétricas e Eletrônicas e saiu como superintendente de produção. Depois de Furnas, foi para e Gerasul/Tractebel, hoje ENGIE Brasil Energia, onde chegou em 1998 para ser diretor de operação e nove meses depois assumiu como presidente.

Em 17 anos no cargo, Zaroni elevou o valor de mercado da empresa de R$ 800 milhões em dezembro 1999 para R$ 25 bilhões em julho de 2016. Nesse período, o parque gerador cresceu 89% em capacidade instalada e os ganhos dos acionistas multiplicaram-se 67 vezes. Em 30 de junho de 2016, ele entregou o cargo a Eduardo Sattamini.

Hoje aposentado, Zaroni ainda faz parte do Conselho Administrativo da ENGIE Brasil Energia e de outras duas empresas. Também é sócio da filha em lojas de calçados. Atualmente, divide seu tempo entre os conselhos corporativos, as netas, os filhos e viagens com a mulher e amigos.

O livro, em suas mais de 200 páginas revelam um meticuloso trabalho de pesquisa, que abrangeu 78 entrevistas ao longo de sete meses, além de consultas a jornais de época, fotos e outros documentos de arquivos públicos e privados. O resultado é uma biografia densa, mas de fácil leitura, que narra as conquistas e tensões de uma vida extraordinária, entrelaçando-as com episódios marcantes para o sistema energético nacional.

A valorização da equipe, a postura ética e a preocupação socioambiental são algumas das suas qualidades mais lembradas pelos amigos e colegas. O livro é organizado em três partes. A primeira aborda o lado profissional. A segunda parte é dedicada à vida pessoal – antepassados, estudos, família e amigos. Por fim, uma linha do tempo resume os pontos mais importantes da vida deste mineiro de Maria da Fé.

Viver é Perigoso

2 comentários:

wartão disse...

Um exemplo de executivo e de pessoa!!!

Edson Riera disse...

Wartão,

Tão somente o Mané poder publicar a sua história, no Brasil de hoje, já é uma vitória.

Abraço,