terça-feira, 12 de setembro de 2017

PANORAMA VISTO DA PONTE


Ontem, fiquei com a TV ligada e sintonizada no Canal 8, durante toda a Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Itajubá. Lendo um livro e ouvindo.

Nenhuma surpresa. Na política brasileira, nos últimos tempos, não pesam argumentos técnicos, conhecimento, preparo e nem mesmo a velha ideologia. Tudo se resume a números de votos. E na terrinha, o Prefeito tem a maioria absoluta e cest fini. 
A oposição não ganhará uma votação, mas continuará provocando com a sua luta um enorme desgaste nas hostes situacionistas. É a tal democracia. 

A diminuição de 17 para 10 vereadores é uma vontade popular. Indiscutível. O momento escolhido para discutir o assunto foi equivocado. Assunto para ser tratado no final deste mandato, dentro dos prazos legais. A oposição (vereadores independentes), de forma legítima, usou politicamente a votação. Caso estivessem mesmo preocupados com a redução do quadro teriam votado na proposta situacionista reduzindo para 13.
Conseguiram computar desgaste para a leal base aliada do Executivo, que safou-se como pode, afirmando ser pela redução mas não tanto. Exatamente a posição ditada pelo Mestre em recente entrevista. Não entendi a razão de colocarem a votação dos 13 antes da votação dos 10. Poderia acontecer alguma surpresa se a ordem fosse inversa. 

Quanto a doação da área para construção do Shopping do Parque Municipal, com  4 cinemas, praça de alimentação, dois restaurantes, amplo estacionamento e porque não, algumas lojinhas, o previsto também aconteceu. Sem mais ajuda pública, não será nada fácil para o empresário recuperar os R$ 8 milhões de investimento previsto, a não ser, que esteja computado no total, o valor da área estimado em R$ 2 milhões.

Observação: Caso tivesse que indicar o melhor jogador da partida, ou corrigindo, o melhor vereador da noite, sem dúvida, a escolha recairia no Vereador Molina. Estudou bem os dois assuntos e passa a impressão que a posição adotada (nas duas votações) é própria. Simplesmente coincide com a do Executivo. Será fácil de comprovar dentro em breve.
Embora tente sempre defender o indefensável, o Vereador Renato Moraes, descontando a clara inexperiência política transmite confiança. Poderá ser um bom vereador.
O Vereador Kener, num amargo discurso lido, demonstrou toda a sua decepção com a política. Só decepções num curtíssimo espaço de 9 meses.

Preditando o breque e considerando apenas o desempenho na importante reunião de ontem, na política, com certeza poderão avançar almejando outros cargos,  o Marcelo Krauss, Zambrana, Molina e claro, o Chico Marques.  Com todo o respeito, os demais poderão lutar pela reeleição.

Bonito encerramento da reunião com a presença do Eng. Wander Machado, Presidente da Transparência Itajubá. Apresentou um balanço das atividades da ONG e recebeu o reconhecimento de quase todos os Vereadores. Muito bom.

Viver é Perigoso 

    

14 comentários:

Anônimo disse...

Zelador Me surpreende o meu vereador Chico, com toda sua experiência , não ter mudado a estratégia de deixar este assunto para o momento oportuno ! Acho q ele ta ficando velho mesmo! Uma pena! Tudo tem seu tempo! Cursilho

Anônimo disse...

"Caso estivessem (a oposição) mesmo preocupados com a redução do quadro teriam votado na proposta situacionista reduzindo para 13."

Pela primeira vez vejo você tecer um comentário com isenção, sem pender para lado nenhum.

Se alguém acha que a oposição é diferente da situação, ou é ingênuo demais ou louco da cabeça.

Parabéns Zelador!

Anônimo disse...

E.R.

Boa tarde, muita energia ontem na reunião, aguardei até o chefinho falar, valeu a pena.
Muito boa a apresentação do tio Wander que calou a todos ao explicar o maravilhoso trabalho que fazem frente a TI.
Pedi que lhe dessem uma moção congratulatória pelo excelente serviço prestado a nossa terrinha.
Abraço a voce a Sônia e netinhos.
Ainda estamos comemorando o aniversario da minha Ester. Muita felicidade.


O Véio, meio tristinho, mas com a coluna do jornal já feita. Good Afternonn

Edson Riera disse...

Véio,

o Tio Wander é um heroi. Perseguido e criticado pelos que devem ter o que temer no serviço público.
Abração para todos vocês e em especial para a Moça Bonita Ester.

E.R

Edson Riera disse...

Cursilho,

A hora não era essa. Essa votação acabou embolando com a doação do terreno. Mas a luta continua. O Chico é uma pessoa de grande valor e ainda ´continuará fazendo muito por Itajubá.

Zelador

Edson Riera disse...

Parabéns Zelador,

O blog estampa opiniões pessoais, inclusive a do Zelador, que também é influenciado, de uma forma ou de outra. Gostaríamos de mudanças na política e fica difícil não enxergar e citar o óbvio. Tem gente bem intencionada, outros usados, outros decepcionados e analisar de longe, fora do calor da disputa, fica bem mais fácil.

Zelador

Anônimo disse...

Zelador ,

Não entendo, mas existe possibilidade deste assunto da quantidade de vereadores voltar a ser discutido ainda nesta legislatura?

Sei não

Anônimo disse...

Zelador,

Penso que vc entendeu bem que ontem tivemos uma sessão na CM de total manobra e enganação ao pobre iludido povo.
Se os seus vereadores quisessem reduzir o numero de cadeiras teriam votado nos 13, como preferiram sair como "heroizinhos mediocres" pularam fora e deixaram a culpa para os outros colegas. Na cidade, na camara, no povo, NINGUÉM pensou, ninguém pensa e que se DANE; foi uma jogada de mestre que de uma certa forma foi bom para todos continuarem pensando que o povo é ignorante, otário e que eles fazem o que querem.

Palhaçada. Lamentável. A minha decepção aumenta cada vez mais, o pior é que a gente quebra a cara ao ver pessoas do "bem" que na realidade não é coisa nenhuma e não esta nem ai coma cidade.Cada um por si e só!

Palhaço

Anônimo disse...

A hora não era essa. Essa votação acabou embolando com a doação do terreno. Mas a luta continua. O Chico é uma pessoa de grande valor e ainda ´continuará fazendo muito por Itajubá.


Pois é , andamos perdendo homens de valores ultimamente, que este mal não se alastre.
Não são os inimigos ou os maus que nos decepcionam....

Itajubense.

Edson Riera disse...

Sei Não,

Pode sim. Ano que vem tem mais.

Zelador

Edson Riera disse...

Palhaço,

A Prefeitura deu de presente uma área nobre de 6.000m2 para um comerciante de fora montar cinema, restaurantes, etc.
Os Vereadores não atrelados ao Executivo questionaram a doação que contará inclusive com estacionamento pago.
Se o Executivo pensasse e ao invés de 6.000m2 resolvesse doar só 1.000m2, que já são metros prá caramba, os vereadores independentes aceitariam ? Claro que não.
O número 10 virou uma bandeira política. E isso é comum.

Zelador

Edson Riera disse...

Itajubense,

Já disseram e apenas repito: Itajubá, já há alguns anos, vem sofrendo uma entre-safra de homens públicos.
Ainda temos alguns poucos que pensam nos desempregados, nos jovens sem acesso aos cursos especializados, enfermos nas enormes filas de triagem e atendimento dos hospitais, o sacrifício do tratamento de doenças graves em cidades distantes.
A Santa Casa, Maternidade e outras entidades, foram no passado, construidas e mantidas por empresários e demais pessoas sensíveis.
Recentemente, uma empresa que ajudava a Santa Casa foi levada a se retirar ???
A desarmonia impera.

Zelador

Anônimo disse...

O número 10 virou uma bandeira política. E isso é comum.

Pois é bandeira de meia duzia de vereadores que so pensam em si, assim como a outra parte também, e no meio o povo idiota achando que esta sendo representado e tal.

Palhaçada geral

Edson Riera disse...

Palhaçada Geral,

De forma geral, registro que sempre existem exceções, o político faz como os lobos. Fazem xixi marcando o seu território. 13, 10 ou 17, são marcas.

Zelador