quarta-feira, 27 de setembro de 2017

É A VIDA ...


Sei lá quantas vezes já votei no Aécio e naqueles indicados por ele. No início, porque acreditava que ele tinha lastro, vivência e exemplos próximos. Já há algumas eleições, fomos de Aécio contra o que achávamos mais ruim. 

Iniciaram-se comentários sobre uma coisa aqui, outra ali e deu no que deu.
  
Como tudo feito errado na vida e na política, mais cedo ou mais tarde vem á tona, no caso dele, chegou a hora.

Baque para os amigos, conhecidos e eleitores.

Situação triste para um ex-governador, ex-presidente da Câmara, senador da República, presidente de um ex-importante partido por ter pedido dinheiro (alega que por empréstimo) para um corruptor afamado.

Nós mineiros não gostamos nem de conversar sobre o assunto. No fundo, mas bem lá no fundo, ainda temos esperanças que tudo foi uma armação engendrada pelos inimigos  e que mesmo, aparentemente liquidado  para a política, possa seguir com sua vida longe dos incômodos provocados pelos tribunais.
  
Humilhante a determinação do STF, afastando-o do cargo e pasmem-se, proibindo de sair de casa após o por do sol. 

Viver é Perigoso 
 

3 comentários:

Anônimo disse...

É o nosso bandido! Infelizmente uma decepção ! É vida q segue e q fique em casa para q possamos esquecer... Triste

Edson Riera disse...

Triste,

Sei lá. Dizem que o poder cega.

Zelador

Anônimo disse...

Zézinho

Acabaram-se as baladas daquele cujo mérito foi ter sido neto do avô e sobrinho do tio .

Alaor