quinta-feira, 10 de agosto de 2017

NÃO APRENDERAM NADA E ESQUECERAM O QUE SABIAM

Imperdível o jornal Itajubá Notícias desta semana. Uma das razões é a "senhora e educada enquadrada" dada pelo semanário no Sr. Secretário Municipal de Comunicação Rodrigo Melo.
Explico: Dentro de uma das funções básicas do jornalismo, em seu número anterior, noticiou a avançada construção da pista de kart no Parque Municipal. 
Sobre a exploração do Parque por uma empresa terceirizada, algumas poucas informações já foram vazadas, inclusive sobre a constituição de um tipo de PPP - Parceria Público Privada.
Coincidentemente ou não, no mesmo intervalo de tempo, a PMI publica um Edital buscando fornecedores/construtores de banheiros para o Parque.
As parcas informações disponibilizadas anteriormente não deixa claro sobre os responsáveis pelo investimento. A Prefeitura ou a empresa exploradora ?
Cuidadosamente, como manda os manuais de redação, o Itajubá Notícias consultou, via e-mail, a Secretária de Comunicações sobre o assunto (cópia publica na edição desta semana).
Para quê ?
Dentro do autoritarismo latente que permeia a Administração, o Sr. Secretário interpelou, por escrito, o jornal.
A redação respondeu como tinha de responder, sem deixar nenhuma dúvida.
A atual gestão municipal, e temos comentado muito sobre isso, toma como insulto grave, como ato de desconfiança, como manifestação de inveja, de pessimismo e de interesses políticos outros, quaisquer questionamentos por mais normais que sejam.
Aparentemente, prosseguem sem distinguir o público e o privado e a obrigação, pelo seu próprio bem, do exercer da transparência total e irrestrita, exigida pelos novos tempos.
Respostas sobre os questionamentos óbvios e obrigatórios que têm sido feitos pelo SVI - Senhores Vereadores Independentes e não levados em consideração e pronto.
Questionamentos feitos pela imprensa têm que ser respondidos, de imediato ou dentro de um prazo mínimo razoável. O jornal pode e deve adiantar o assunto junto aos seus eleitores. Isso pode ser tomado com um acelerador de esclarecimentos. 

Sim, temos esperanças.

Viver é Perigoso        

8 comentários:

Marco Gonçalves disse...

Zelador,

o parque não é uma PPP. É uma concessão. Há diferença.O contrato e o edital são bem claros quanto a isso e estão disponíveis no site da prefeitura, com as obrigações de cada um.
Segundo o contrato, a prefeitura somente é obrigada a ceder condições para saneamento básico e iluminação pública. Está escrito que banheiros deverão ser construídos pela empresa, assim como todo o resto do parque. O Jornal O Sul de Minas traz uma matéria na edição deste final de semana com os detalhes do contrato como as exigências para o primeiro ano da obra.
O projeto da Helibras também foi deixado de lado, assim como aconteceu com o projeto do trânsito feito por Dr. Jorge.

Se a prefeitura divulga ou faz algo diferente do que está previso na concessão, deve ser analisada pelos vereadores e pelo MP.

Anônimo disse...

E.R.

Que bom que voltamos, você viu que nosso mestre continua botando pra quebrar e meu chefinho totalmente independente esta ai botando a boca no trombone, grande bocudo que eu amo de paixão.
Abraço a todos os netinhos e a Sonia.

Virgilio de Oliveira Machado, O Véio

Edson Riera disse...

Marco,

Grato pela informação. Ainda hoje vou procurar e ler sobre o Contrato de Concessão do Parque. Vou ler o jornal de amanhã e comentar sobre isso.

Abraço,

Zelador

Edson Riera disse...

Caro Véio,

Estava com saudade. Tudo certo.
Ouvi agora que o IN está com duas jornalistas de primeira linha.
Novos tempos.

Abraço,

ER

Anônimo disse...

Vereadores independentes? Fala serio camarada, isso é balela.
Converse com o Luiz Ganzaguinha, seu amigo Saulo...

Anônimo disse...

E.R.

Estamos crescendo muito lá, novos contratados, novos anunciantes, estamos superando a crise e até recebemos uma MOÇÃO pelo grande trabalho realizado por todos. Já falei com o chefinho para contratar voce como colunista político, só falta voce no time campeão. O nosso mestre não pode porque é funcionário publico .
Vai dar certo,fique tranquilo, apareça no Vasquinho , estamos lá .
Um abraço

Véio

Edson Riera disse...

Anônimo,

Da próxima adote um pseudônimo para melhor distinguir.

Não preciso conversar com o Gonzaga ou o Saulo. Converso direto com dois dos independentes.

Têm opinião própria, sabem ouvir, nas não se comportam como birutas ao sabor do vento.

Zelador

Edson Riera disse...

Véio,

Os jornais da terrinha deram uma melhorada legal, do pouco que entendo do metier. O IN na sutilidade das entrelinhas e o O Sul de Minas, com visual mais leve e os jornalistas, aparentemente, com liberdade.

Só aceitaria escrever para um jornal, se fosse para fazer um horóscopo semanal.

Brincadeira. Não tenho jeito para a disciplina de uma redação. Para você, o Aldo, a Célia Rennó, que possuem jogo de cintura.