domingo, 2 de abril de 2017

É A VIDA...


"Ergo-te em meus cansados braços, 
que tanto labutaram nesta vida. 
e sinto que me aflora aos olhos baços
a gota de uma lágrima furtiva.
Bem sei que por misteriosos laços 
minha vida na tua está contida. 
E quando me descubro nos teus traços , 
quero que tudo em mim renasça e viva.
Mas sei que vou partir, quando amanheces. 
É fatal que se cumpra a lei da vida.
Enquanto digo adeus, vives e cresces.
Assim, pouco me importa esta partida,
se em meu lugar tu ficas, permaneces 
para que em teu sorriso eu sobreviva. " 

Jorge Medauar

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: