segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

DESTA VEZ, UMA SENHORA BANANA !


"Enquanto eu tiver perguntas e não houver respostas...continuarei a escrever"

Clarice Lispector

Tudo leva a crer que a Administração Municipal não tem respostas para os questionamentos feitos pelo povo através dos seus representantes, ou sejam, os Vereadores Chico, Marcelo Krauss, Jorjão e Santi. 

Ou melhor, possivelmente algumas respostas devem ter. Segundo informaram no final de 2016, quando da Operação Soledade disparada em Itajubá pela Polícia Civil, em 48 horas entregaram, em mãos, devidamente protocolada, todas as informações (pelo visto não satisfatórias) requeridas.

Hoje, segundo informado, o Prefeito Municipal pediu à Câmara Municipal, seis meses (180 dias) de prazo para responder as legítimas indagações feitas sobre acontecimentos, digamos assim, não muito claros, ocorridos em período recente. Correto, exceto pela já famosa e leal base aliada, os Senhores Vereadores estão lá, primeiramente, para fiscalizar.

Certamente, a maioria fiel, leal e ordeira, não só acatará o pedido, como poderá sugerir a sua extensão para 12, 24 ou mesmo 48 meses.

Registrando o que reza a Lei Orgânica do Município de Itajubá

Art. 68. Compete ao Prefeito, entre outras atribuições:

XIV - prestar à Câmara, dentro de 20 (vinte) dias, prorrogáveis por mais 10 (dez) dias, as informações por ela solicitadas regularmente, salvo por prorrogação, a seu pedido e por prazo determinado, em face da complexidade das matérias ou das dificuldades de obtenção, nas respectivas fontes, dos dados pleiteados;

Lembrando porém aos leais súditos do Rei: 

Seção III  - Da Perda e da Extinção do Mandato

III - desatender, sem motivo justo, os pedidos de informações da Câmara, feitos a tempo e em forma regular; 

Juízo Moçada !

Viver é Perigoso

5 comentários:

Edson Riera disse...

Caro Remy,

Conforme explicado, acabei por excluir o seu comentário, como sempre procedente.

Tudo leva a crer que ficaremos com quatro vereadores atentos. Penso que levarão adiante as cobranças, podendo inclusive chegar as barras de impeachment.

Abraço,

Edson

Antonio Thomas disse...

Impeachment só se a maioria votar a favor. Creio que isso não acontecerá nunca, pelo menos com essa atual Câmara

Edson Riera disse...

Caro Thomas,

Claro que não gostaríamos que se chegasse a esse extremo. Mas será o benedito ? O que teria de especial nessa capoeira para impedir que seja roçada ?

Abraço

Edson

JORNALOSULDEMINAS disse...

Dê tempo ao tempo. Tudo se resolve.

Edson Riera disse...

Jornal O Sul de Minas,

Oremos.

Zelador