sábado, 21 de janeiro de 2017

UNIDADE PARTIDÁRIA

- Sr. Presidente, eu acho - começou o orador, logo aparteado pelo líder:
- Perdão, V. Exa. não acha. É claro que o nobre Deputado está de acordo com o pensamento do nosso Partido.
- O nosso Partido - tentou dizer o orador, e não prosseguiu, pois o líder e o primeiro vice-líder acudiram uníssonos:
- O nosso Partido não está em discussão, aliás nunca pode estar em discussão. E V.Exa. sabe disso.
- Muito bem - confirmou o segundo vice-líder. - Não pronunciemos em vão o seu santo nome.
- É o que sempre digo aos nossos correligionários - interveio o terceiro vice-líder, chegando afobado ao recinto.
- Mas - tentou prosseguir o orador, que só tinha direito a esse nome porque se inscrevera para falar, embora ainda não fizesse jus a ele.
- Não há mas nem porém nem todavia nem contudo no vocabulário de nossa pujante agremiação - setenciou o líder - O ilustre parlamentar que enobrece as nossas fileiras certamente não vai erigir o mas em bandeira partidária.
Vai, pelo contrário, condenar esta anomalia, incompatível com a filosofia construtiva, otimista e desenvolvimentista do nosso valoroso partido, que apoia incondicionalmente a belíssima orientação do Exmo. Sr. Presidente da República.
O orador em perspectiva acenou com a cabeça que sim e sentou-se.
Aprendera que toda palavra é escândalo, e que para evitá-lo todas as palavras são oportunas.

Drummond de Andrade

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: