segunda-feira, 5 de setembro de 2016

É A VIDA...


No passado, a riqueza e o poder de decisão na terrinha esteve nas mãos dos fazendeiros. Grandes fortunas e nomes tradicionais. Mais adiante, a cidade foi influenciada, diretamente, pelos industriais. Empreendedores de coragem.
Hoje, as grandes fortunas da cidade estão no comércio e serviço. Entenda-se que, não necessariamente, os empresários do setor de serviços atuam aqui.
Ledo engano daqueles que imaginam que a preocupação maior dos laboriosos e competentes empresários de maior porte  da cidade seja a geração de empregos.
Não estão. Estão sempre atentos e interessados na Lei de Zoneamento Municipal e suas possíveis alterações.
De forma tradicional, investem pesado no segmento imobiliário.
Errado ? Pecado ? De forma alguma. É o sistema.
Empresário com os olhos voltados para o social é raridade em extinção.
Manifestação sobre política ? Somente na surdina e sobre a área federal.
E põe conservadorismo nisso.

Viver é Perigoso    

TERRA SEM MEMÓRIA

Repetiremos o acontecido até que alguém com lucidez e lógico, poder, tome alguma providência. 

Dia 1º de Setembro comemorou-se o "Dia do Profissional de Educação Física". Dia para lembrar do Professor Surica.

Numa justíssima homenagem, no dia 11 de dezembro (1969) foi publicada no "Minas Gerais" a Lei Estadual 5380 de 4 de dezembro de 1969, dando a denominação de “Ginásio Prof. Henrique Marques da Silva - “SURICA” , à quadra coberta do Itajubá Tênis Clube, da Cidade de Itajubá.
O Professor foi conhecido por todos os itajubenses como Professor Surica. 
Homem de grande valor que dirigiu o esporte itajubense. Grande educador e por muitos anos Professor de Educação Física do Colégio de Itajubá. Personagem inesquecível.
No dia 5 de fevereiro de 1970, Itajubá perdeu em um acidente trágico o seu competente e admirado Prefeito Tigre Maia. A cidade ficou abalada com a perda.
No dia 12 de maio de 1970, o Vereador Domício Guedes apresenta na Câmara o Projeto de Lei 1.164, dando o nome de Quadra de Esportes Tigre Maia (em construção em convênio com a Diretoria de Esportes do Estado) à quadra coberta do ITC. No dia 21 de maio de 1970, foi publicada a Lei Municipal 883 dando a denominação de "Tigre Maia" à quadra coberta do Itajubá Tênis Clube, da cidade de Itajubá, assinada pelo então Prefeito, Luiz Chaves.
Lembrem-se: Pela Lei Estadual 5380 de 04/12/69, o ginásio já tinha sido denominado Professor Surica. 
Com toda a nossa admiração pelo Capitão Tigre Maia, que também foi homenageado com o nome dado a uma importante rua do Bairro BPS.
Não tenho conhecimento dos detalhes que levaram a mudança. Não sei também da legalidade de Lei Municipal prevalecer sobre a Lei Estadual.
Talvez a família do nosso Professor prefira que não comentar o acontecido. Já devem ter se chateado demais. 
Ficou ruim para todos nós.
Como cidadão, ex - aluno e devedor de lições, gostaria que o Professor Surica ficasse melhor gravado na história de Itajubá. Na nossa memória está.

Viver é Perigoso

ALVO FÁCIL


Roubaram ontem, a carteira do ex-senador Eduardo Suplicy. O petista "foi aliviado" ontem ao participar dos protestos contra o presidente Michel Temer na capital paulista.

Aos 75 anos, Suplicy se deu conta que havia sido furtado ao ir para uma lanchonete após o fim da manifestação.

O Suplicy que nunca reparou nos gatunos que atuavam ao seu lado em Brasília, no meio de uma turba na Avenida Paulista, seria considerado uma presa fácil.

Já não é a primeira vez que os larápios surrupiam a carteira do ex-senador.

Viver é Perigoso  

SOLIDÃO

Viver é Perigoso

FORTE APACHE



Muito bom. Hastearam uma Bandeira de Itajubá no Forte Apache, comitê central eleitoral do candidato e atual prefeito, Rodrigo Riera.
Faltou a flâmula do 7º de Cavalaria.

A demonstração de força, pela disparidade de material de propaganda, a  seletividade na escolha dos veículos para adesivar (relutam em liberar a colagem em veículos com mais de 5 anos de vida), o batalhão de especialistas contratados, levam os desinformados a considerar,  aqueles que buscam a reeleição, como favoritos.

Eleições são complicadas. Ainda mais nos dias de hoje e com tantos jovens votando (cerca de 11 mil). Ostentação em publicidade causa repulsa e limitar a dose é uma arte. A internet (Facebook) parece que nasceu para ser arma de  ataque. Defender e justificar ficou difícil.

Tanto quanto a eleição para prefeito, preocupa e muito, a atual situação, a eleição para a Câmara dos Vereadores. Perdem o sono ao imaginar a presença de vereadores independentes, experientes e preparados na Câmara. Um corre-corre danado só de pensar no Chico voltando, na Celinha questionando, no Krauss, Cleber, Christian e outros valentes pedindo a palavra e colocando questões de ordem.

E se os fieis Vereadores, aliados silenciosos de primeira hora, não conseguirem a reeleição ? E as estrelas convencidas a se candidatar ? Como arrumar uma diretoria para esse pessoal todo ?

Viver é Perigoso 

NOVA ESCALAÇÃO DOS BRICS


Viver é Perigoso