quarta-feira, 16 de novembro de 2016

SÓ GENTE FINA NA FEIJOADA DO RENAN


Preocupado com a moralidade e bons costumes, o Senador Renan Calheiros reuniu no último sábado, na Residência Oficial, amigos e companheiros, para uma feijoada regada a caipirinhas. Todos sensibilizados com os absurdos gastos públicos.
  
Revelaram-se preocupados com os altos salários e vantagens recebidos pelo Judiciário e Ministério Público. Uma comissão especial já foi instalada no Senado para passar um "pente fino" nos supersalários e vantagens.
O entendimento é de que os avanços das investigações por parte da comissão servirão para mostrar as “mazelas” do Judiciário, em um momento em que vários setores da sociedade e os parlamentares discutem como implementar o teto de gastos públicos.

O presidente do Senado também anunciou para esta semana a indicação de um novo relator do projeto da Lei de Abuso de Autoridade, que na prática limita a atuação de investigadores. Como é do conhecimento geral, a proposta tem sido alvo de críticas da Operação Lava Jato. 

Dentre os 30 convidados, todos com razões de sobra para "descer a lenha no Judiciário e Ministério Público, estavam os límpidos e cristalinos, Michel Temer, Eunício Oliveira, Moreira Franco, José Sarney, Edison Lobão, Rodrigo Maia e outros.

Também participaram do engordurado encontro o Presidente do Tribunal de Contas da União, Aroldo Cedraz e dois de seus colegas de Tribunal, Bruno Dantas e Vital de Rego Filho. 

Uma feijoada completa.

Viver é Perigoso 

4 comentários:

Anônimo disse...

Zézinho

Acredito que seja coincidência , mas é o mesmo time que , a excessão justificada da ausência do Cunha ,que efetuou o golpe contra os 51.000.000 de brasileiros que elegeram democraticamente a Dilma .
Abracos

Alaor

Anônimo disse...

Zezinho, vamos a terrinha; olha só, de acordo o conversado com meu amigo Véio, o Virgilio , alias saiu reportagem no jornal dele, o IN, o Chico será salvo pelo PT, vê se pode?
Eles estão trabalhando via deputado, para que o Chico não seja impugnado e com isso a moça não vai sair, se não dança os dois.
Agora que seria sensacional não ter o pt na Câmara e nem o Chico, seria! Desgraça pouco é bobagem. kkkkk


Edson Riera disse...

Alaor,

Esses caciques do PMDB aproveitaram o que puderam do PT e claro, o PT mais burramente deles.
Sinceramente ? Todos serão, como o Cunha foi, levados à barra da justiça e usarão, com alguma possibilidade de sucesso, clamando por atenuação de penas, que contribuíram para salvar o País, votando e trabalhando pelo impeachment da Dilma.
Quanto a Dilma, até o PT anda escondendo dela. Um desastre sem precedentes.

Abraço

Zezinho

Edson Riera disse...

Anônimo das 12:37 horas,

Você não imagina o pânico que está dominando o pessoal do poder na terrinha. Chico, Célia, Jorjão, Krauss e Santi.
Sei não.
Vão tomar posse e disparar a pedir, ou melhor, exigir informações sobre a Operação Soledade e dessa vez terão que dar.
Entrarão todos em deprê. Não totalmente pelas possíveis irregularidade, afinal em todos os cantos do Brasil existem. Ficarão doentes por ter que dar satisfações.
Acredite. Em todo caso, continuarão gastando tubos com a equipe de advogados tentando mexer, com alguma artinha, no quociente eleitoral. Dormem (mal) e acordam todos os dias pensando nessas possibilidades.

É a vida...

Zelador