segunda-feira, 29 de agosto de 2016

BOLERÃO


Não diria que não sei dançar para não desrespeitar a minha primeira professora, a cara amiga Fátima Sarlas. Comecei com o Ray Connif. Mais ou menos um tipo de bolero. Dois prá e dois prá cá.
Daí em diante, na minha vida de dançarino, passou a existir somente o famoso 2x2. Conforme o rítmo, ia mais rápido ou mais lento. Valsa, samba, rock e até mesmo bolero, sempre no 2x2.
Enquanto necessário dançar, fui bem.
Afirma, o às vezes linguarudo Virgílio, que até twist eu dancei certa vez no Nova Aurora, no estilo 2x2.
Fazendo analogia: 
Mesmo com outras atividades, estou desde a manhã desta segunda-feira, ouvindo o questionamento e as respostas da Dilma no processo de Impeachment.
Quanto as respostas da ex-presidente, todas acontecem no estilo bolero. Dois prá lá e dois prá cá. Todas iguais. Umas aparentando calma e outras mais nervosismo. Umas curtas e outras longas.
Um bolerão ultrapassado.

Viver é Perigoso

Nenhum comentário: