sexta-feira, 6 de maio de 2016

JÁ PEGOU !


Nos tempos jurássicos, na Boa Vista, é claro, existiam alguns personagem pacíficos que viviam repetindo coisas pelas ruas. As frases terminavam por virar moda.
Os " Vou lá hoje ", "É aqui Gerarda ", "Qué balinha ?" passaram para a história, entre outras tantas.
Por repetição, deve passar também para a história, o proferido por uma Senhora de Brasília. Muitos, próximos a ela, já repetem diuturnamente:
"É golpe ".
Lembra muito o também antigo "Queimou no gorpe"

Viver é Perigoso   

Nenhum comentário: