sábado, 30 de janeiro de 2016

REMEDIAR É MELHOR


Sensores geotécnicos para monitoramento de encostas serão instalados em Petrópolis. Os aparelhos são do Cemaden - Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Nacionais  e são capazes de detectar indícios de pequenas movimentações das encostas, possibilitando a previsão de deslizamentos.
A Estação Total Robotizada (ETR) é um sensor geotécnico que emite sinal infravermelho e é refletido nos 100 prismas (ou espelhos) instalados nos morros e encostas do município. Esses sinais emitidos permitem captar até pequenas movimentações de terra dos morros, abrangendo uma área circundada de encostas em 360 graus, cobrindo até 2,5 km de extensão.
Os dados coletados pelos equipamentos serão enviados, via internet, ao Cemaden, possibilitando acompanhar e monitorar qualquer risco de deslizamentos das encostas. A partir de pesquisas em andamento, as informações e dados obtidos darão subsídios para emissão de alertas prévios de movimentos de massa com maior confiabilidade.
Petrópolis, conta com 26 pluviômetros automáticos instalados em locais próximos a áreas de risco de desastres, além de 35 pluviômetros semiautomáticos, do Projeto Pluviômetros nas Comunidades. Estes têm a função de medir, em milímetros, a quantidade de chuva precipitada, durante um determinado tempo e local, para monitoramento do município.

Enquanto isso, por desentendimentos inexplicáveis, o Sistema de Monitoramento e alerta de cheias da Bacia do Sapucaí foi desativado. 
Pelo visto, as autoridades do Alto do Sapucaí têm preferência para remediar e não para prevenir. Talvez proporcione mais destaque, muito embora, mais sofrimentos e prejuízos. 

Viver é Perigoso

6 comentários:

Anônimo disse...

Essa bronca com o Sistema de Monitoramento e alerta de cheias da Bacia do Sapucaí em Itajubá ainda é um mistéééééério. Ou o prefeito é louco, ou ele não gosta de algumas pessoas da Escola do Pinheirinho. Dizer que custa caro manter um sistema desses é uma tremenda balela. Fala sério, isso é a politicagem de Itajubá, politicagem pífia, de país de terceiro mundo mesmo, onde o intere$$e e o poder fala mais alto. Vou repetir, ele está com muita sorte que nada de mais aconteceu, pois, se viesse uma chuva como a que causou a enchente de 2000, o prefeitinho não iria assumir em 2017. Estamos realmente no Paleolítico.

Edson Riera disse...

Anônimo das 18:19 horas,

Estamos lascados.

Zelador

Anônimo disse...

Não tem mistério algum. Posicionou contra mim virou meu inimigo. Foi assim com todas. CDL. ACIEI, AMASP, UNIFEI, Rádio Jovem, Biscoito, Santi, Ricardo, Marins e te cuida Bâo.

Edson Riera disse...

Anônimo das 09:16 horas,

Coisa mais antiga.

Zelador

Anônimo disse...

A zelador!!! isso aqui está virando um blog de piadas! KKKKKKKK O que você queria de bastiãozinho jurássico? Coisa moderna? kkkkkkkkkkk

Edson Riera disse...

Anônimo das 10:22 horas,

Concordo.

Zelador