terça-feira, 8 de dezembro de 2015

CANTINHO DA SALA

Paul Cézanne

PT SAUDAÇÕES


Brasília 7 de dezembro de 2015

Meu Prezado
com surpresa recebi sua missiva contendo duras palavras que trincaram o meu coração pt amargas considerações pt após muito pensar decidi por lhe enviar estas mal traçadas linhas na vã tentativa de amenizar a minha dor pt tenho que lhe dar razão pt vivemos juntos distantes por cinco longos anos pt muitos finais de semanas em total silêncio pt eu no Torto e você no Jaburu pt num momento de ilusão pensei na possibilidade de juntos erguermos este combalido país vítima de uma maldita herança deixada pelos governos do D. Pedro I e II do Wenceslau Braz do Getúlio Vargas e do FHC pt
siga na sua que continuarei na minha pt temo que a madastra da sorte nos possibilite um novo encontro em curitiba pt

da sempre sua dilma pt

pt sds

Viver é Perigoso

PAPO DE BOTEQUIM


Todo mundo lê sobre isso diariamente. Nos jornais e revistas nacionais e estrangeiros. Nas TVs brasileiras e outras. O Brasil está encalacrado.
Sem governo, sem Congresso, um mínimo sequer merecedores de confiança. E olhem lá, um Judiciário salvo alguns heróis, também quase sob desconfiança.
Economia despinguelada morro abaixo, sem previsão para estacionar no fundo do poço. Inflação, pibinho e desemprego.
Tudo sem previsão, mesmo na análise dos mais experientes cientistas.
A Dilma foi liquidada pela incapacidade política/administrativa. Desacreditada junto ao povo pelas mentiradas do ano passado.
Beco sem saída.
Sou contra o processo de impeachment da Dilma, muito embora, totalmente constitucional. 
É tudo que o PT e aliados, exceto o PMDB, querem.  Que a Presidente seja tirada do Palácio com eles passando por vitimas, prontos para colocar os blocos (MST, etc) nas ruas, com greves e protestos, abrindo a burra esperança de um Lula em 2018.
O Brasil aguentaria mais três anos de PT no governo ?
Não !
Tomada do poder pelos militares ? Esqueçam. Não existirá mais clima para isso. O Exército também passa por uma entre-safra de lideranças.
Então qual saída ?
A Dilma sair por vontade própria. Renunciar ao constatar em uma chuvosa manhã, quando olhar no espelho, estar diante de um fantoche.
Até lá, naturalmente, o Eduardo Cunha já estará destituído e substituído.
O Lula e o PT ficarão segurando na brocha e na constante vigilância esperando a visita do "japonês da federal".
Um razoável governo de coalizão federal ajudaria a médio/longo prazo, propor e aprovar as duras reformas necessárias.
Todos, governos estaduais, municipais, empresas e para variar, nós o povo, pagaremos uma conta nunca vista.
Veríamos alguma luz no final do túnel no segundo semestre de 2017. Não antes.
Pensando dessa forma, na certa, seria chamado de otimista.
Aceito de bom grado comentários que mostrem um cenário diferente.

Viver é Perigoso
     

QUE SE EXPLODAM !


Estamos assistindo uma briga inédita, que agrada todo mundo. Agrada a Dilma, o Temer, o Lula, o Cunha, o PT, a base aliada,  e a desmilinguida oposição e a imprensa. O povo quer que todos se explodam.

Clarin da Boa Vista