sexta-feira, 26 de junho de 2015

VIDA NOVA !

O diário esporádico,  "Clarin da Boa Vista" assume o compromisso de publicar, como manchete, com todo o destaque possível, as cartas dirigida ao PT, por cidadãos da terrinha, solicitando o  desligamento do partido, considerando que a entidade fugiu completamente dos príncipios básicos imaginados quando de sua criação.
O gesto será considerado como uma "delação premiada", sem a delação, exceto pela carta, com todos os benefícios inerentes do instrumento jurídico.
Não caberão mais críticas, responsabilizações e penalidades.
E mais, se o cidadão se apresentar como candidato(a) a um cargo público nas próximas eleições, por um novo partido, o seu passado político não será mencionado.  
 
Clarin da Boa Vista

FAZ DE CONTA QUE O PROJETO ERA ESSE.

 Continua faltando ao administrador público um mínimo de humildade. 
Aconteceu na reforma da Ponte Tancredo Neves. Uma boa e necessária ação com o alargamento da passagem de pedestres.
Por falta de experiência e planejamento erraram feio ao imaginar que encontrariam facilidade na retirada de parte do antigo passeio. Tentaram com britas e não conseguiram. Pensaram em nivelar o piso de rodagem com uma grossa camada de asfalto. Ideia eliminada pelo excesso de peso.
Não iremos falar do famoso Bellini (poste da cemig não retirado da passagem de pedestres).
Pensaram, pensaram e resolveram apelar para a última alternativa sobrevivente:
Juntar o teimoso passeio com a pista lateral construída. Justificativa: passagem para bicicletas.
Lógico, que mais recursos foram gastos.
Acontece.
Mais daí noticiar que tudo foi planejado seria considerar todos nós uns bobos e desinformados. 
Seria um gesto de grandeza admitir mais essa "pisada de bola". Ficaria bom.
Leiam a nota da Prefeitura sobre a intervenção.

"A Ponte da Avenida (Tancredo Neves) é uma das pontes de maior movimento sobre o Rio Sapucaí e também um dos principais acessos à Itajubá para quem vem da Rodovia BR-459. Para melhorar a segurança dos pedestres, a Ponte foi alargada e está sendo preparada para receber uma ciclovia.
A Prefeitura Municipal de Itajubá, por meio da Secretaria Municipal de Obras (SEMOB), retirou os guarda corpos (corrimão para proteção) internos das passarelas, que foram realocados na extensão da antiga calçada da ponte.
O projeto, visa a transformação da calçada em uma ciclovia, favorecendo assim o fluxo de ciclistas no local. Antes da obra, pequenos acidentes eram frequentes no local, pois a passarela era estreita e não comportava o fluxo de pedestres, veículos e ciclistas que passam sobre ela
. "

Viver é Perigoso