segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

SMART

Um pouco de história da terrinha.
Dos clubes de futebol ainda existentes, segundo o grande Armelim Guimarães, o mais antigo é o Smart Futebol Clube. (da Boa Vista, é claro). Foi fundado no dia 28 de junho de 1928.
Em 1979 o jornal "O Sul de Minas" publicava:
" O Smart nasceu dentro da Fábrica de Tecidos Codorna, após o desaparecimento do Codorna Esporte Clube.
A fundação do clube teve a participação direta do Senhor Manuel Pereira de Toledo, chefe de serviços de tinturaria da Fabrica Codorna. O Sr. Manuel achou o nome Esmalte, que é tinta, daria um bom nome. Assim sendo, foi o novo time batizado de Esmalte, mas como as pronúncias sempre são falhas, as mesmas se estabeleceram em Ismarte.
Mais tarde, sob a presidência do Sr. Didi Pereira, então gerente da fábrica Codorna, se oficializou o nome Smart, em 1933.
Esse nome criou muitas polêmicas, inclusive da própria Federação Mineira de Futebol, que pediu uma justificativa para a colocação do nome.
Os diretores então justificaram que Smart é vida, é gosto, força, vivacidade, na lingua inglesa."
O clube da camiseta e meias vermelhas e calção negro marcou época no futebol amador sul-mineiro.
Conhecido como o "Leão da Boa Vista", foi dirigido e defendido por grandes nomes itajubenses. Era o time da família Mandolesi, do dentista Dr. Ademar, do João Camilo, dos Lamoglias, do Ambrósio Pinto, que inclusive deu o seu nome ao Estádio do clube.
Os meus primos Luzimar e Sylvio Riera atuaram com destaque na equipe, bem como o saudoso amigo José Luiz Chiaradia, o Califa.
Ficaram na história os craques Zezinho Mandolesi, Joãozinho Duarte e Delfino, entre outros grandes.
Talvez o seu maior craque de todos os tempos tenha sido o polivalente Pelegrino.
Meu pai era torcedor do Smart. Eu torcia para o Vasco, conhecido como o Lobo da Boa Vista. Somos vizinhos de muro.   
É a vida...

ER

AINDA SOBRE O OSCAR


TIRO DE MISERICÓRDIA

Passei por lá no final de semana e presenciei o aterro "a forceps" de parte da área, antigamente chamada de "Várzea do Campo de Aviação".
Segundo informado, serão aterrados, na margem direita do Ribeirão Piranguçu beirando a Rodovia BR-459, algo próximo de 50.000 m2.
Gesto truculento da atual administração municipal. Prevaleceu o interesse econômico imediato sobre a sensata posição dos ambientalistas.
Anotem: As autoridades municipais (executivo e legislativo) que aprovaram a ocupação da área poderão ser responsabilizadas no futuro.
Lamentamos e lembramos de imediato do Professor Fernando Bonillo, responsável pela regional do Ibama, que de forma muito antecipada tomou o barco recentemente.
É a vida...(ou a morte)

ER 

CANTINHO DA SALA

Peter Doig - Pink Snow, 1991