segunda-feira, 7 de abril de 2014

ESTRANHA POLÍTICA


O todo-poderoso, até dias atrás, o ídolo petista e Vice-Presidente da Câmara Federal, Deputado André Vargas, encontra-se, politicamente, no bico do corvo.
Envolvido em parceria estranha com o doleiro preso Youssef.
Entrou  hoje com pedido de licença de 60 dias.
O estranho: o seu PT força para que renuncie ao mandato. Os seus adversários gostariam que tal não acontecesse.
Solidariedade ? Não, claro.
Perspectiva de desgaste com sangramento público diário no Jornal Nacional.
Mais denúncias virão.

ER

CHOQUE DE GESTÃO

 
 
A Cemig queria 29,7% de aumento. A Aneel concordou com a metade, ou seja, 15%. Logicamente todos os fabricantes e comerciantes repassarão o aumento  para os produtos.
É a vida.
 
ER


O TEMPO DOS MILITARES E OS DIAS DE HOJE

Continuando a citar o filósofo Olavo de Carvalho´(artigo publicado em 01/1/2005), provocando o Alaor e o Dr. Aldo. Cidadãos honrados e de pensamentos diferentes com relação ao Brasil de hoje.
 
"Do ponto de vista do direito à vida, a diferença entre o tempo dos militares e os dias de hoje é simples e autovidente: naquela época havia tranquilidade para a maioria dos brasileiros, mas não para a pequena elite esquerdista que tinha boas razões para sentir-se ameaçada. Hoje, essa elite - 10 mil pessoas no máximo - desfruta de todas as garantias de paz e segurança que a prosperidade à sombra do governo pode oferecer, enquanto os demais brasileiros vivem expostos ao terror cotidiano nas mãos dos narcotraficantes, assaltantes, homicidas e sequestradores.
Passamos de uma relativa igualdade capitalista à cruel e cínica desigualdade socialista. Em cima, a nomenclatura, arrogante, prepotente, onissapiente, segura de si, vivendo às custas do Estado, sob a proteção de guardas armados. Embaixo, o povo, sem meios de defesa, entregue aos caprichos de delinquentes sanguinários.
Tão egoísta e desavergonhada é essa elite, que chora mais - e despende mais dinheiro público - pelos seus trezentos velhos companheiros, terroristas mortos pela repressão militar, do que pelos cinquenta civis desarmados que são anualmente assassinados por bandidos neste país."
 
Olavo Carvalho
 
Blog: O artigo foi escrito em 2005. Já lá vão 9 anos. Os números estão totalmente defasados. A elite aboletada no poder multiplicou-se por dez. A ela juntou corruptores de alto gabarito. O número de vítimas no país elevou-se a patamares absurdos.
Mas saudade da ditadura ? Jamais.
Trata-se apenas de uma constatação.

ER  

SOB A LUZ DE VELAS



Humildade significa, no fundo, apenas senso do real.

Hugo de São Vitor

PRÁ PENSAR

 
"...O jovem, em trânsito entre o que já não é e o que não é ainda, é, por fatalidade inconsciente de si, de sua situação, das autorias e das culpas de quanto se passa dentro e em torno dele. Seus julgamentos são quase sempre a inversão completa da realidade. Eis o motivo pelo qual a juventude, desde que a covardia dos adultos lhe deu autoridade para mandar e desmandar, esteve sempre na vanguarda de todos os erros e perversidades do século: nazismo, fascismo, comunismo, seitas pseudoreligiosas, consumo de drogas. São sempre os jovens que estão a um passo à frente na direção do pior.
Um mundo que confia seu futuro ao discernimento dos jovens é um mundo velho e cansado, que já não tem futuro algum."

Olavo de Carvalho - Livro "O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota."

ER

FIM DA LINHA