sábado, 31 de maio de 2014

SOB A LUZ DE VELAS

 
 
Quanto mais esperto o político, em mais coisas ele acredita - e menos acredita em qualquer delas.

Mencken

CIDADÃO DE VALOR

Na terrinha, fomos hoje, Sonia mais eu, almoçar no Tererê.
Bom demais estar com o Sr. Raimundo e a família que com gentileza conduzem o diferenciado restaurante.
Presente a famosa leitoinha criada caminhando em esteira.
No tranquilo local, comemorando com a grande família, encontramos o nosso amigo e cidadão, com relevantes serviços prestados à comunidade, Sr. Lucrécio Gonçalves.
Bela reunião.
De imediato, ao cumprimentarmos, o Lucrécio recordou que nos encontramos também, quando da comemoração dos seus 50 anos de casado, em culto realizado na Igreja Universal, na Boa Vista, é claro.
Realmente o tempo "vua".
Conheçemos o Lucrécio ainda no final dos anos 50, quando ele atuava como enérgico árbitro da Liga Itajubense de Futebol. Bons tempos.
Por dezenas de anos o Lucrécio foi o esteio administrativo da Prefeitura Municipal.
Nenhum prefeito eleito abria mão do seu serviço. Conhecia e conhece como ninguém o funcionamento da máquina.
Homem de valor, hoje com os seus 82 anos, cercado pelos netos.
Como nem tudo é alegria, lembrei-me da prematuríssima tomada de barco do seu filho, Ten. Lucrécio Junior.
É a vida.

ER  

FRANCAMENTE

 
Na terrinha, ouvi hoje grande parte do "Falando Francamente" na Jovem FM.
Senti falta do amigo Roberto Lamoglia, que por sinal foi bem substituído pelo Joel.
Os comentaristas estão bem informados sobre os acontecimentos e têm opinião. Sobre as questões municipais pegam de leve. Sabem o mato em que estão roçando.
Como diz o poeta, "perco o amigo mas não perco a piada" : Os adversários diriam que a trilha sonora do programa foi à caráter: tosse !
Se o blog "viver é perigoso" tivesse audio, com certeza seria grande a possibilidade de ter a mesma trilha.
É a vida.

ER

EXCLUSIVIDADE


Ouvido hoje no Mercado Municipal:
 
- Ô Cumpadre, você já assistiu uma cena como essa ?
 
- Desembucha homem !
 
- Você consegue imaginar um sujeito caprichando na pintura no beiral do telhado, segurando firme na brocha, quando chega um amigo  e retira bruscamente a escada ?
 
- Primeiro, o tombo é feio. Segundo, isso não é amigo. Merece um descobro.
 
- Pois é...faz sentido.

ER

QUE FELICIDADE !


Éh...Caro Ulisses, cada dia fica mais difícil. Mas entendo.

ER

PRO BELELÉU


“Os tucanos vão pro beleléu, chegou o Pimentel”

Dilma (ontem em BH no lançamento semanal* da candidatura do petista Fernando Pimentel )

Blog - *Para os saudosistas: O PT de Minas, possivelmente, para se manter no noticiário, adotou a estratégia de fazer lançamento semanal da candidatura Pimentel. Nada inovador. O cantor Silvio Caldas, seresteiro de fama nacional (chão de estrelas) conhecido como "caboclinho querido" despedia de sua carreira semanalmente. Assim foi durante anos.
É a vida

ER

SÓ FALTA !

 
Os dirigentes da terrinha, daqui a pouco, dirão que, por visão futurística, não lutaram para evitar o cancelamento da instalação de duas unidades industrias da Siemens na cidade.
Na certa estaríamos hoje às portas de desempregos. Evitaram.
 
É a vida. 
 
   
"O presidente da Siemens, Joe Kaeser, anunciou um plano estratégico que devia preparar a maior companhia industrial da Europa para os desafios do século XXI. O plano, denominado Visión 2020, incluía uma reestruturação do quadro de comandos e uma concentração da atividade em torno de três áreas: eletrificação, automação e digitalização. Mas tinha um elemento que até agora não transcendia. Os novos rumos da Siemens passam por reduzir custos no valor de um bilhão de euros e cortar 11.600 postos de trabalho."
 
ER

POR FAVOR, MEUS SAIS !

 
Deu e está lá no Itajubá Notícias da última quarta-feira:
 
"...Com exclusividade, a reportagem do Itajubá Notícias conversou com o prefeito Rodrigo Riera, na manhã desta terça-feira 27, e de acordo com ele, o contrato de aluguel do local (Instituto Padre Nicolau) terá início a partir de outubro e a transferência das secretarias será, a princípio, em janeiro de 2015. Segundo o que apurou a reportagem do Itajubá Notícias, as secretarias de Saúde e Assistência Social deverão ser deslocadas para o novo local, além de diretorias e departamentos."
 
Deu no site da Jovem FM de hoje, sábado e está lá :

"Em entrevista a Radio Itajubá, na manhã de ontem, dia 30, o Prefeito de Itajubá, Rodrigo Riera, desmentiu as noticias que as dependencias do Insituto Padre Nicolau estariam sendo alugadas pela Prefeitura para ali se localizar parte da admnistração Municipal, ( O Centro Administrativo II ) e muito menos que seria aquele o valor do aluguel atribuido à referida locação. "
 
Blog: Antigamente diziam: "essa lei não pegou". Hoje podem dizer: "a ideia não pegou". 
 
ER
 

MOÇA BONITA

Angela

RUMO AO BOLIVARISMO


sexta-feira, 30 de maio de 2014

MALUF SE EXPONDO !


Maluf decidiu dar seu apoio ao petista Padilha para o governo de São Paulo. Agora vai !

ER

ROMÂNTICOS DE CUBA

Pimentel em Havana
O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC) confirmou ao Congresso em Foco que o Tesouro repassou recursos a fundo perdido, uma espécie de subsídio, sem necessidade de ser pago, para o governo de Cuba modernizar o porto de Mariel.
Alegando sigilo, o ministério não revela o total gasto pelo Tesouro na operação. Entretanto, valores do programa que usa recursos públicos para incentivar exportações brasileiras – que existe desde o governo Fernando Henrique Cardoso (PSDB) – mostram que Cuba recebeu US$ 107 milhões (o equivalente a R$ 239 milhões) no período da reforma do terminal.
 Antes do empreendimento, Cuba quase nada recebia do programa de incentivo.
O empreendimento teve um financiamento de US$ 692 milhões (R$ 1,5 bilhão) do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Ao todo, o porto custou US$ 957 milhões.
Um documento inédito, assinado pelo ex-ministro Fernando Pimentel e revelado pelo Congresso em Foco esta semana, mostra que, quando o Brasil fez acordo com Cuba, em 2008, o combinado era emprestar US$ 600 milhões, que seriam “utilizados durante quatro anos”.
O MDIC diz que não pode explicar o aumento do valor do financiamento, alegando sigilo, decretado por Pimentel por período de 15 a 30 anos.
A assessoria do ministério informou ao site que a ajuda prestada a Cuba na construção do porto de Mariel é dada pelo Brasil a outros países há muito tempo.

Blog: Presentinho de R$ 240 milhões dado pelo governo petista aos Castros. Bom questionamento para fazermos para o candidato ao governo mineiro, Fernando Pimentel, através do Deputado Ulisses.
Pimentel era o Ministro responsável na ocasião do presente aos cubanos.

ER

MOÇA BONITA

Emmy

PRÁ PENSAR


MOMENTOS MÁGICOS

Post publicado no "viver é perigoso" de 10 de junho de 2011
Extraordinário movimento que chega a nos emocionar pelo envolvimento de tantas pessoas numa causa tão nobre e que tantos benefícios trouxe e vem trazendo a todos.
 
(O texto extraído do livro “História da Medicina – Curiosidades & Fatos” de autoria do Dr. Lybio Martire Junior, Editora Astúrias, 2004

Em 1966, com o hospital já praticamente pronto, embora ainda não em funcionamento, Rosemburgo Romano aproveitando o momento, bem como, a história e tradição de Itajubá no ensino, lançou a idéia da criação de uma Faculdade de Medicina, a qual foi, na época, vista, por muitos, como visionária, como um sonho impossível.
A idéia germinou e pessoas das mais variadas profissões, além de médicos, foram contatadas para somarem esforços.
Rosemburgo acompanhado de Sebastião Osvaldo da Silva e do farmacêutico, mais tarde médico, Expedito Magalhães Ribeiro, foram à casa do Prof. Dr. Eurípedes Garcia em São Paulo, que havia sido professor em Uberaba e era médico do Hospital das Clínicas e da Beneficência Portuguesa, para elaborar o estatuto da futura Faculdade.
O Prof. Eurípedes Garcia conseguiu estatutos de várias faculdades como Uberaba, Escola Paulista, Campinas e USP para servirem de modelo.
Muitos médicos de São Paulo tornaram-se amigos e apoiaram a idéia da interiorização da medicina incentivando-a, como Dr. Dante Pazzanese, Dr. Adib Jatene entre outros.
Nessa época foi novamente procurado o apoio do Sr. Laudo Natel, então governador de São Paulo que novamente solícito mostrou toda a boa vontade em ajudar. Sua influência seria fator vital no processo de autorização da faculdade.
Embora só existindo no papel a Faculdade, Rosemburgo intitulou-se diretor e nomeou Sebastião Osvaldo da Silva secretário geral. Foi feita grande divulgação da Escola pelos meios de comunicação, contando com a inestimável ajuda do jornalista Sebastião Inocêncio Pereira, redator e diretor do jornal “O Sul de Minas”. A divulgação atingiu os meios de comunicação não só de Minas, mas, também de São Paulo, do Rio de Janeiro e de outros estados, chamando a atenção para novo vestibular que em breve seria realizado.
Era necessário também, por normas governamentais, para a criação de uma Faculdade isolada, que ela estivesse ligada a um órgão público, a uma fundação, a uma sociedade ou associação.
Foi constituída uma comissão integrada pelos senhores: Dr. Basílio Pinto Filho, Dr. Sebastião Rezende Monti, Sr. Sebastião Osvaldo da Silva e o farmacêutico Expedito Magalhães Ribeiro que, em abril de 1967, procuraram pela Fundação Theodomiro Santiago ligada à Faculdade de Engenharia, na pessoa de seu Presidente Pedro Mendes dos Santos a quem foi feito o apelo da incorporação da Faculdade de Medicina de Itajubá por essa Fundação. Havia ainda memoriais assinados por diretoras de treze escolas de 2º grau, pela Diretoria do Lions, por médicos, odontologistas e vários outros, em um grande movimento liderado por Rosemburgo Romano, conforme consta em ata.
Assim, em 23 de abril de 1967, a Fundação Theodomiro Santiago torna-se Mantenedora da Faculdade de Medicina de Itajubá, considerando que o patrocínio da criação da Faculdade de Medicina de Itajubá representaria inestimável serviço prestado ao Estado de Minas e ao país no campo do ensino de nível superior. Ficou designado o nome do Dr. Rosemburgo Romano como diretor da Faculdade na ata dessa reunião.
Em 1970 a Fundação Theodomiro Santiago deixaria de ser mantenedora e seria criada a Fundação Universidade Regional de Itajubá (FURI), em 27 de agosto de 1970, pelo diretor Dr. Rosemburgo Romano, passando a ser a nova mantenedora. Em 1972 foi extinta a FURI e criada a Associação de Integração Social de Itajubá (AISI), como nova mantenedora da Faculdade, na gestão do Dr. Ítalo Mandolesi Filho como diretor, tendo como administrador o Sr. João Aldano da Silva, que organizou toda a parte administrativa da instituição. A Associação de Integração Social de Itajubá (AISI) permanece como Mantenedora da Faculdade até o presente tendo-se tornado entidade de utilidade pública pela lei No 6.734 de onze de dezembro de 1975, assinada pelo então governador Dr. Aureliano Chaves de Mendonça.
Voltando ao ano de 1967, já com todos os papéis prontos, uma comitiva de cerca de 40 pessoas, entre os quais: Rosemburgo Romano, José Ribeiro Filho, Dr. Walter Cabral (Juiz de Direito), Sebastião Osvaldo da Silva, Dep. Euclides Cintra, Dep. Luiz Fernando Faria de Azevedo, Dr. Amarílio Barreto Costa, Dep. Aureliano Chaves entre outros, dirigiu-se ao Conselho Federal de Educação no Rio de Janeiro para protocolar o projeto de criação da Faculdade.
O então prefeito de Itajubá Tigre Maia, neto do escritor Bastos Tigre, também integrante da comitiva e que deu grande apoio a todo processo de criação da Faculdade, preparou o campo para a entrevista com o diretor do Departamento de Educação, Sr. Epílogo Gonçalves de Campos.
Rosemburgo Romano e Sebastião Osvaldo da Silva  conseguiram, após uma longa conversa, protocolar o projeto.
A partir daí, o caminho seria descobrir quem eram os conselheiros e travar contato com os responsáveis por avaliar o projeto para possível aprovação.
A amizade de Rosemburgo com Dona Iolanda, esposa do Presidente Costa e Silva e da família Bustamante com ambos, bem como e especialmente, a influência e o apoio do Governador Laudo Natel, seriam decisivos.
O presidente Costa e Silva, após transferir um conselheiro, nomeou Peregrino Junior como conselheiro substituto, ficando este como responsável pela aprovação do projeto. Após vários outros contatos, nos quais pesou a participação e a influência política de Laudo Natel, foi dada a aprovação.
No gabinete de Peregrino Junior, quando de sua anuência, estavam presentes: Rosemburgo Romano, o prefeito Tigre Maia e o Sr. Sebastião Osvaldo da Silva.
O Conselho Federal de Educação, em 01 de abril de 1968, autorizou o funcionamento da Faculdade de Medicina de Itajubá, sendo esta a data oficial de sua criação.
Foi convocado o primeiro vestibular.
A Faculdade começou a funcionar no prédio do Hospital das Clínicas, onde as aulas eram ministradas. Assim nascia a quinta Faculdade de Minas Gerais.
O corpo docente foi constituído, a convite de Rosemburgo Romano, por professores renomados com o intuito de oferecer o melhor em ensino e também dar nome à escola que se iniciava.
Integraram o quadro de professores: Prof. Samuel Pessoa, Prof. Luigi Boigliolo, Prof. Adib Jatene, Prof. Edmundo Chapadeiro, Prof. Lauro Solero, Prof. Oswaldo Castro, Prof. Waldemar de Carvalho, Prof. Tasso Ramos de Carvalho, entre muitos outros luminares da medicina brasileira.
Não havia, entretanto, ainda, o prédio da Faculdade e aqui cabe uma curiosidade: na época da aprovação, veio a Itajubá uma comissão do Conselho Federal de Educação do Rio de Janeiro, para fiscalizar o patrimônio físico da Faculdade.
Rosemburgo conseguiu que fosse feita a cessão do prédio de propriedade do médico radiologista Dr. José Lourenço de Oliveira, localizado à rua Dr. Pereira Cabral, no centro, e do edifício do “Instituto Padre Nicolau” no bairro Avenida, para a Escola, entretanto, a Faculdade nunca funcionou nesses locais.
No hospital, na parte inferior isolada, hoje próxima ao estacionamento, funcionaria a anatomia no princípio. O patrimônio apresentado impressionou a comissão.
O terreno onde hoje é o campus da faculdade, foi doado pela Sra. Sinhá Moreira e pelo Sr. Luis Carlos Carneiro, de Santa Rita do Sapucaí que eram donos de grande loteamento no local e este último, dono da agência de veículos onde hoje é a Itavel.
A doação foi efetivada constando de dois lotes de 5.000 m² cada, entremeados por uma rua.
A rua da Faculdade, R. Cel Renó Junior, foi aberta a mando da própria direção da Faculdade com auxílio do Dr. Pedro Fonseca Paiva chefe do DER e foi também, realizado, pela direção, um aterro de um metro e meio em toda a área.
Na planta do loteamento havia ainda um espaço reservado para uma praça ao término da rua da Faculdade (R. Coronel Renó Junior) cuja doação seria solicitada ao prefeito Tigre Maia. O Prefeito concedeu a doação do terreno que viria tornar-se a praça de esportes do diretório acadêmico, que leva o nome do Prof. Ítalo Mandolesi Filho, segundo diretor da Faculdade que empenhou-se em sua construção. A praça de esportes abriga hoje o complexo esportivo do diretório acadêmico e sua discoteca “Albatroz”.
O Diretório Acadêmico foi fundado pelos alunos da primeira turma em junho de 1968 e estes em votação resolveram dar o nome ao diretório de “Rosemburgo Romano”, entretanto, este reuniu os alunos e declinou da honra agradecendo, preferindo que fosse dado o nome de Laudo Natel como agradecimento a todo apoio recebido do então Governador de São Paulo, possibilitando a autorização da Faculdade.
O diretório acadêmico passou a ser denominado: “Diretório Acadêmico Laudo Natel” (DALANA), conforme consta na ata de sua fundação.
Em 1986, entretanto, haveria um movimento estudantil liderado pelos membros do diretório da época pleiteando a eleição de diretor pelo voto direto dos corpos docente e discente. A desejada eleição deveria ocorrer no dia 08 de outubro daquele ano, mas jamais foi realizada, ainda porque, contrariaria os estatutos. Aquele grupo de alunos, idealistas, mas, certamente desconhecendo a história da instituição, o nome de seus benfeitores e o ideal dos alunos da primeira turma, mudaria o nome do diretório para 08 de outubro, uma data em que, na verdade, nada se concretizou.
Às vezes, o excesso de idealismo de alguns menospreza as razões do ideal de outros que os antecederam, sem as quais, eventualmente, poderiam sequer existir os motivos dos ideais presentes. O prédio da Faculdade foi inaugurado em 1970.
Em outubro de 1970, Dr. Rosemburgo Romano deixou a diretoria e com ele sairia também o secretário geral Dr. Sebastião Osvaldo da Silva. Nesse ano assumiria a direção o Prof. Dr. Ítalo Mandolesi Filho que, entre outros feitos administrativos, como a construção da Praça de Esportes do Diretório Acadêmico que leva seu nome, colocou o hospital em funcionamento definitivo e obteve o reconhecimento da Faculdade em 1974.
 
Dr. Lybio
 
Blog: Onde entra o Instituto Padre Nicolau.
 
ER 

EM OUTROS TEMPOS

O Padre Francisco da Costa Moreira nasceu em 22/2/1764, em Portugal. Veio para o Brasil e foi vigário da Paróquia de Guaratinguetá de 1801 até 1817. Tomou o barco, na mesma Guaratinguetá, em 1819.
Com Dona Maria teve dois filhos: Padre Lourenço da Costa Moreira, nascido em 15 de maio de 1778 e Madalena da Costa Moreira.
O Padre Lourenço, fundador de Itajubá, uniu-se a Inês de Castro Silva e tiveram os seguintes filhos:
Delminda Moreira da Costa e Dr. Domiciano da Costa Moreira.
Padre Lourenço tomou o barco, na terrinha, no dia 14/6/1855.

Blog: Só para esclarecimentos.

ER

SONHANDO

Um estudante e um padre viajavam pelo sertão, tendo como bagageiro um caboclo. Deram-lhes numa casa um pequeno queijo de cabra. Não sabendo como dividi-lo, mesmo porque chegaria um pequenino pedaço para cada um, o padre resolveu que todos dormissem e o queijo seria daquele que tivesse, durante a noite, o sonho mais bonito, pensando engabelar todos com os seus recursos oratórios. Todos aceitaram e foram dormir. À noite, o caboclo acordou, foi ao queijo e comeu-o.

Pela manhã, os três sentaram à mesa para tomar café e cada qual teve de contar o seu sonho. O frade disse ter sonhado com a escada de Jacob e descreveu-a brilhantemente. Por ela, ele subia triunfalmente para o céu. O estudante, então, narrou que sonhara já dentro do céu à espera do padre que subia, O caboclo sorriu e falou:

— Eu sonhei que via seu padre subindo a escada e seu doutor lá dentro do céu, rodeado de amigos. Eu ficava na terra e gritava:

— Seu doutor, seu padre, o queijo! Vosmincês esqueceram o queijo.

Então, vosmincês respondiam de longe, do céu:

— Come o queijo, caboclo! Come o queijo, caboclo! Nós estamos no céu, não queremos queijo.

O sonho foi tão forte que eu pensei que era verdade, levantei-me, enquanto vosmincês dormiam, e comi o queijo...

Gustavo Barroso

quinta-feira, 29 de maio de 2014

MOÇA BONITA

Olivia

BRISA DE ESPERANÇA

 
Assim como ocorreu na Funcef, o PT sofreu uma derrota expressiva nas eleições de ontem para o conselho deliberativo da Previ.
O PT, que disputava a eleição concentrado na chapa 4, perdeu uma eleição na Previ pela primeira vez em quatorze anos. Teve 22% dos votos.
Ficou atrás da chapa 3, ligada a Valmir Camilo, ex-presidente da associação nacional de funcionários do Banco do Brasil. que conseguiu a preferência de 31% dos eleitores. Camilo sempre foi opositor da turma de Luiz Gushiken, que entrou em 2000 e reinou até ontem.
Numa palavra, como ressalta quem entende a alma dos grandes fundo de pensão estatais, os funcionários de estatais rejeitaram as chapas do PT.
 
Por Lauro Jardim - Veja

Blog: Brisa de esperança.

ER

VENTOS DE GUERRA

 
Passada a Copa do Mundo (caso aconteça) começarão a circular pela terrinha os senhores candidatos.
Esqueçam a Dilma e o Eduardo Campos. No máximo virão até Pouso Alegre. O Aécio virá pelo menos umas duas vezes. Lógico que acompanhado do Anastasia e do Pimenta da Veiga.
Ah! o Pimentel deverá aparecer ladeado pelos fieis escudeiros, Ulisses e Odair Cunha.
Todos prometerão a construção do Trevo da Piedade.
Como sempre terão os seus Comitês instalados na Avenida Dona Maria Carneiro (na Boa Vista é claro). Dizem que dá sorte.
Penso que os candidatos não farão muita questão de aparecerem ladeados dos políticos locais. Os nossos líderes estão atravessando uma fase de reprovação. Acontece em todo o país com a categoria.
O Bilaquinho vai ter que rebolar para justificar o depósito do lixo de Santa Rita, Cachoeira, Brasópolis e de outras, na nossa cidade. Presente de grego, ou melhor, no caso, de Santarritense. Vai contrapor com suas emendas de ajuda para o Hospital. Também em contrapartida será questionado sobre a perda dos R$ 10 milhões da Fundação Mahle previstos para a Santa Casa.
Esse pessoal também contará garganta por trazerem a Penitenciária e a sua expansão.
Do aeroporto não falarão uma vez que levará à lembrança da aprovação do aterro das margens do Ribeirão Piranguçu.
De qualquer modo, todos nós os receberemos bem. Somos educados e hospitaleiros. Porém, sem esperanças.

ER   

NO AR !



Ouvido hoje na Rua Nova:
 
- Ô Cumpadre, o jornal Itajubá Notícias deu ontem, com a exclusividade que têm direito, o Prefeito dizendo que estão alugando o Instituto Padre Nicolau, onde funcionará uma parte da administração municipal.
 
- O quê ? toda a instalação ?
 
- Não. A capela ficou de fora.
 
- Uai ? não estou entendendo. É a parte que mais precisam.
 
- Pense: por mais de 60 anos, centenas e centenas de padres e alunos rezaram milhares e milhares de horas naquele prédio. Alguma coisa boa, com certeza, permaneceu nos ares.
 
- Éh...faz sentido.

ER

ADEUS ÀS ARMAS


Joaquim Barbosa diz "adeus às armas".

Clarin da Boa Vista

PHOTOGRAPHIA NA PAREDE

 Charlie Chaplin e sua filha Josephine em 1952 - Foto W. Eugene Smith.

KINDER OVO


quarta-feira, 28 de maio de 2014

POR QUE NÃO AQUI ?

 
Em São Sebastião do Paraiso, o juiz Osvaldo Medeiros Neri aceitou o pedido do Ministério Público e proibiu qualquer tipo de evento no Parque de Exposições.
O promotor Luis Augusto Belloti alegou que o barulho dos shows ficava acima dos 50 decibéis previstos em lei. As medições foram feitas pela Policia Ambiental e registradas em boletins de ocorrência. Os responsáveis pelo parque já haviam sido notificados que descumpriam a lei.
Na ação o juiz também decidiu que o município não poderá apoiar, incentivar, promover ou autorizar a realização de nenhuma festividade no local. A pena é de R$ 5 mil por hora caso a determinação seja descumprida.
A diretoria do Sindicato dos Produtores Rurais, responsável pelo Parque de Exposições, está preocupada com a decisão judicial, já que ocorre no local todos os anos a tradicional exposição agropecuária. A festa, que conta com quatro dias de shows, está marcada para outubro e corre o risco de ser cancelada. Outra preocupação é com os contratos já feitos com artistas e organizadores de festas.
O advogado do sindicato, Sérgio Aparecido Gomes, informou que já entrou com recurso no Tribunal de Justiça de Minas Gerais.
 
G1
 
ER

SOB A LUZ DE VELAS

 
 
Sempre que algum amigo assumia cargo importante ele não saia do seu lado. Sabia como é terrível a solidão do poder.

Millôr

INSTITUTO PADRE NICOLAU

 
Pelo que dizem a tratativa é oficial. A Prefeitura está negociando o aluguel do Instituto Padre Nicolau. Estudam a possibilidade de reunir em um só local, diversos órgãos que estão espalhados pela cidade.
O aluguel estaria na faixa dos R$ 50 mil.
Desde que signifique economia e praticidade, nada de mais.
Por culpa dos políticos,  a falta de informações, transparência, "vai não vai" e seguidas "pisadas de bolas", acaba tornando polêmico qualquer projeto público.
O que ninguém fala ? O Instituto Padre Nicolau estaria fechando as portas ? Na realidade, o que funcionaria hoje lá ?
Poucos sabem, mas para aprovação da criação da Faculdade de Medicina de Itajubá, nos anos 60, o IPN foi apresentado como sendo suas instalações, num lance de mestre dos criadores da Faculdade.
Local ideal para uma escola.
Em tempo:
Edificação construída em 1951, idealizada pelo Pe. Agostinho Pickard.
Inicialmente foi utilizada como escola de jovens católicos (meninos). Posteriormente foi utilizada como seminário, em 1957. Em 1960, foi construída uma capela anexa para atender ao seminário.
A capela foi aberta à comunidade em 1975, tem capacidade para 300 pessoas. 
 
ER

CADEIA É POUCO

Fundo Soberano é um fundo de investimentos controlado por Governos nacionais, para aplicar em países estrangeiros. Seu objetivo é aproveitar sobras de recursos e, com os rendimentos, garantir projetos futuros. A Noruega, por exemplo, criou um Fundo Soberano para aplicar a renda do petróleo, com o objetivo de fortalecer a Previdência Social (com o envelhecimento da população, há mais gente para receber e menos para pagar) e garantir a prosperidade do país quando não houver mais rendimentos das jazidas petrolíferas do Mar do Norte.

O Brasil criou nosso Fundo Soberano em 2008, quando começou a crise da bolha imobiliária americana. Objetivo declarado pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega: financiar empresas brasileiras que investissem no Exterior. E como foi usado até agora? Um bom exemplo: o Fundo Soberano do Brasil comprou R$ 12 bilhões em ações da Petrobras. Pagou R$ 29,65 pelas ações ordinárias, com direito a voto, e R$ 26,30 pelas preferenciais, sem direito a voto. As ações despencaram - azares de mercado. Mas, no momento em que atingiram seu nível mais baixo, dois anos depois, o Fundo Soberano vendeu tudo. Comprou na alta, vendeu na baixa e perdeu R$ 4,5 bilhões. Do seu, do meu, do nosso dinheiro.

É prejuízo de uns dois bilhões de dólares. De deixar Pasadena com vergonha.
 
Carlos Brickmann

terça-feira, 27 de maio de 2014

POIS É...


O ex-presidente Lula foi homenageado com uma estátua de bronze instalada, na última segunda-feira (26), no centro de Washington (EUA), próximo a Casa Branca, nos jardins da OEA.
Foi executada pelo chinês Yuan Xikun e ficará exposta até o dia 1º de agosto.

Infomoney

ER

PARA CUBA COM CARINHO !

 
Um termo de classificação de informações produzidos há 2 anos pelo gabinete do então ministro do Desenvolvimento Econômico, Fernando Pimentel e obtido pelo site "congresso em foco" mostra alguns detalhes do empréstimo do BNDES para Cuba construir o Porto de Mariel.
Já foi repassado para a Odebrecht R$ 1 bilhão.
Para evitar "questionamentos desnecessários" governo e banco mantêm sigilo sobre o empréstimo total de US$ 692 milhões. Parte dos recursos foi transferida a "fundo perdido", isto é, sem nenhum ônus para o tomador.

Blog: Leia mais no www.congressoemfoco.uol.com.br
Estamos lascados.

ER

PHOTOGRAPHIA NA PAREDE


Esta foto possui uma dimensão magnífica: possui três metros de comprimento e mostra o rio Reno, na Alemanha. Tirada em 1999 por Andreas Gursky, paisagista com um forte senso de geometria, em 2011, foi leiloada na Christie de Nova York por US$ 4,3 milhões, ganhando assim o pódio do ranking da foto mais cara da história.
Obvious

POIS É...



Uma criança de 11 anos dos Estados Unidos desenvolveu um modelo especial de caneca para evitar que o conteúdo do objeto seja acidentalmente derrubado. Inicialmente, a invenção de Lily Born tinha como objetivo permitir que seu avô, um paciente com Mal de Parkinson, pudesse segurar a caneca e beber sem derrubar nada. Hoje, a Kangaroo Cup, como foi batizada, está prestes a ser produzida em escala industrial na sua versão plástico.
 
Estadão 

MARQUESA DE SANTOS

 
CPI chapa branca da Petrobras volta a 1995 e cita FHC. Na Mira D. Pedro I pelo seu affair com a Marquesa de Santos.

Clarin da Boa Vista

DECIFRA-ME


segunda-feira, 26 de maio de 2014

MOÇA BONITA

Alinne

AUMENTO DOS EMPREGOS PARA MÃO DE OBRA CATIVA

 
 
Como sempre batalhando pelo aumento dos empregos, o PT entrou com uma ação no STF pedindo a revogação da exigência de que o preso em regime semiaberto, com pena inferior a oito anos, tenha que cumprir um sexto da punição antes de obter autorização para trabalho externo.
 
Clarin da Boa Vista

TODO O DIA SEMPRE IGUAL


COJONES


Um turista estava bebericando sua tequila em um restaurante em Cabo San Lucas, quando notou uma bandeja fervilhante, com uma comida de aparência deliciosa sendo servida na mesa ao lado. Ele perguntou ao garçom:
- O que é que você acabou de servir?
O garçom respondeu:
-Señor es la preferencia de quien tiene mui buen gusto! Estos se chaman "Cojones de Toro", son los testículos de um toro que combatió e se ha muerto en la arena en esta manhana. Es una delicia!
Cheirava tão bom que o turista disse:
- Que diabos, traga-me um prato desses.
- Perdón, senhor, disse o garçom. Hay apenas uma servida al dia, porque tiene solamente una torada a cada manhana. Se usted llegar temprano manhana y hacer su solicitud es possible la reserva de este
manjar.
Na manhã seguinte, o turista voltou, e fez a sua reserva. Naquela noite foi-lhe servido aquela única e especial iguaria do dia. Depois de algumas mordidas e fiscalizar o seu prato, ele chamou o garçom e
disse:
- Estão deliciosos, mas eles são muito, muito menores do que os que eu vi você servindo ontem.
O garçom encolheu os ombros e respondeu:
- Bueno, señor... A veces el toro vence !...
 
Enviado pelo Walter Bianchi
 
ER

sábado, 24 de maio de 2014

sexta-feira, 23 de maio de 2014

EM OUTROS TEMPOS

Pois é, num 23 de maio como hoje, só que de 1857, faleceu na terrinha, Dona Inês de Castro e Silva, mulher do Padre Lourenço da Costa Moreira, o fundador de Itajubá.
Faleceu na casa do seu filho, Dr. Domiciano Moreira.
É a vida.
 
(dados Armelim Guimarães)

ER

MOÇA BONITA

Miss Itajubá 2013/2014, Larissa Francyelle

TÔ NEM AÍ !

 
Prá começar ninguém chiou com a convocação. Nenhuma polêmica. Nem quem tinha esperança e ficou fora da lista reclamou.
A grande maioria do povo não consegue dizer a escalação do time titular. É um tal de escalar time com oito ou nove jogadores.
Se for torcedora a coisa complica: escalam de cara Robinho, Kaká e Ronaldinho.
Marasmo total.
Sobre o esquema tático ??? lembram-se do põe ponta Telê, tira o ponta Telê.
Penso que se a seleção for avançando, normalmente a torcida irá se entusiasmando.
Estranho.

ER

GREVES, GREVES


quinta-feira, 22 de maio de 2014

DETALHES

 
Até as crianças do G.E. Rafael Magalhães sabem que o inimigo número 1 de biografias no país é o Rei Roberto Carlos. O livro (muito bom por sinal) escrito sobre a sua vida pelo Paulo César de Araújo, foi recolhido e segue proibido.
Interessante, que só fala bem do cantor.
Na Câmara Federal a fim da censura a biografias foi aprovado. A questão foi o Senado.
Em tempo: RC já se mexeu junto ao STF.
Pois bem, o jornalista Jânio de Freitas publica hoje em sua coluna na Folha:
 
"...o relator para votação no Senado, será Ricardo Ferraço. Este parlamentar fez-se notado por uns episódios incomuns, recentemente, como sua participação na fuga de um senador boliviano para o Brasil. Já passou por PSDB, PTB, PPS e está no PMDB. Mas não foi indicado para a relatoria por esses méritos. É que vem de Cachoeiro de Itapemirim, como o cantor, cidade onde um ex-prefeito, seu pai, ergueu um monumento a Roberto Carlos."
 
Muitas emoções.

ER

AGORA VAI

QUASE UMA EMBAIXADA
 
Deve ter acontecido na última terça-feira (20/5) a definição da empresa que será contratada pela Prefeitura de Itajubá, para prestação de serviços de assessoria no acompanhamento de processos destinados a obtenção de recursos junto ao Governo Federal, andamento da execução dos convênios e prestação de contas, realização de protocolos, recebimento e acompanhamento de documentos e informações relativos a interesse da Prefeitura, disponibilizando apoio operacional e logístico de preposto em Brasília – DF.
 
Conforme detalhamento abaixo:
 
a) Recebimento e entrega de correspondências inerentes aos projetos em andamento, junto aos Órgãos Federais sediados em Brasília;
b) Remessa de correspondência e diligência dos Órgãos Federais dirigidas ao município;
c) Atendimento personalizado às autoridades, servidores e prepostos do município;
d) Acompanhamento de autoridades, servidores e prepostos do município, devidamente identificados, para compromissos (visitas, reuniões, audiências, eventos, etc.) agendados em destinos localizados no Distrito Federal, quais sejam o Congresso Nacional, Ministérios e demais Órgãos Públicos;
e) Monitoramento da situação do município junto aos sistemas do Governo Federal (CAUC; SIAFI; CADIN, dentre outros);
f) Marcação e monitoramento de compromisso do município ( visitas, reuniões, audiências, eventos, etc...) junto aos Órgãos Federais sediados em Brasília;
g) Acompanhamento da situação dos projetos no SICONV, inclusive aqueles relacionados às Emendas Parlamentares;
h) Identificação das oportunidades para solicitação de recursos;
i) Acompanhamento de Acórdãos e Decisões do Tribunal de Contas da União – TCU, de interesse do município;
j) Acompanhamento de ações determinadas pela Controladoria Geral da União – CGU, de interesse do município;
k) Orientação para elaboração da Prestação de Contas dos Convênios celebrados pelo município.
 
Blog: Quem ganhou ?
 
ER



PHOTOGRAPHIA NA PAREDE


DISPENSADO

 
Eymael - O democrata cristão, foi avisado por amigos e familiares que a candidatura não é obrigatória.

Clarin da Boa Vista

DIMINUI O PERIGO

 
 
Boa notícia ou menos mal. Dilma recupera-se nas pesquisas e diminui a possibilidade do "volta Lula". 

Clarin da Boa Vista

É DISCO QUE EU GOSTO


OUTROS TEMPOS

Casa de Marília de Dirceu
 
Os mineiros se orgulham nos últimos quando se fala da Inconfidência, que culminou com o sacrifício do Joaquim José da Silva Xavier, chamado de Tiradentes.
Outros inconfidentes foram presos e muitos degredados.
Poucos sabem, mas tivemos aqui da região, mais precisamente de Soledade de Itajubá, atual Delfim Moreira, um inconfidente mineiro.
Foi o Sr. Antônio de Oliveira Lopes, também conhecido como Fraca-Roupa.
Ele era topógrafo e foi o medidor das sesmarias do atual município de Itajubá.
Pois bem, num 22 de maio, como hoje, só que de 1792, o Fraca-Roupa partiu a bordo do navio Nossa Senhora da Conceição Princesa de Portugal, degredado para Macau. No mesmo navio seguiu um inconfidente, também degredado, mais famoso. Tomás Antônio Gonzaga, autor de "Marília de Dirceu".
(dados Armelim Guimarães)
 
É a vida.
 
ER 

MOÇA BONITA

Grace Kelly

FICHINHA


quarta-feira, 21 de maio de 2014

É HOJE. NOS ENCONTRAREMOS LÁ !


 

A Preservation Hall Jazz Band (PHJB) é um pouco como a guarda suíça do Vaticano: instalada numa casa de madeira de 264 anos em New Orleans, cumpre a eles, há 53 anos, zelar para que a tradição do jazz nunca se perca de seu caminho. Uma das grandes instituições musicais do gênero, a banda residente do prestigioso Preservation Hall (que foi uma taberna no passado, durante a guerra de 1810) toca nesta quarta em São Paulo, no Bourbon Street. (Estadão)

 
PRESERVATION HALL JAZZ BAND
Bourbon Street. Rua Dos Chanés, 127, Moema, 5095-6100. Quarta, 21h30. R$ 150. Hebraica.

Até daqui umas horas.

ER

SOB A LUZ DE VELAS

 
 
"Eu nunca tinha passado por uma traição e o PT me traiu.  Eu me senti traída como geração, cidadã. Fiquei no chão. Fiquei mal"
 
Irene Ravache

DISPENSÁVEL MOVIMENTO


Não sei na verdade o que anda acontecendo na terrinha. Ou começo do frio ou época de safra de produtos bons.
Nas últimas semanas, diariamente, anda acontecendo um engarrafamento de barcos na cidade.
Gente conhecida e estimada embarcando e deixando um vazio.
É a vida.

ER  

SOB NOVA DIREÇÃO


Blatter assume. Pais ficará sob administração da FIFA até 14 de julho.

Clarin da Boa Vista

QUASE FICÇÃO

 
- Quero deixar bem claro. Se eu não for solto até amanhã, segunda-feira, eu vou contar, detalhadamente, tudo o que sei, inclusive com documentos e provas. É a minha última palavra.
 
- Calma Paulo.
 
- Não tem calma e nem nada. O prazo é amanhã e pronto.
 
- PQP, o homem endoidou. Temos que tirá-lo daí se não vai cair meio mundo.
 
- Só quem pode soltá-lo é o Tribunal lá em cima e lá, na atual condição, só o careca silencioso pode aceitar a missão.
 
- Tudo bem vou mandar soltá-lo amanhã, mas para não pegar mal, vou mandar soltar todos.
 
No dia seguinte:
 
- Doutor, entre eles têm doleiros com muito dinheiro fora do país, acusados de tráfico e outros. Eles fugirão de imediato e a bomba estourará aqui.
 
- Vai pegar mal, mas vou mandar recolher ou melhor, não liberar nenhum outro, exceto o Paulo.
 
- Vai pegar mal do mesmo jeito.
 
- Mas será melhor assim. Ninguém irá entender direito, A Copa está chegando, novas pesquisas eleitorais, movimentos de rua e a mídia deixará o assunto em segundo ou terceiro plano.
 
- Bom ou menos mal. Dará tempo do Paulo aquietar-se, destruir toda a papelada e providenciar os acertos necessários.
 
- E vamos em frente.
 
Clarin da Boa Vista 

JUSTIÇA


terça-feira, 20 de maio de 2014

PALAVRAS DESAPARECIDAS

A menina era linda. Andavam trocando olhares já prá mais de mês. Cadê coragem para chegar e conversar ?
Lá em Delfim Moreira não acontecia esse disparar descontrolado do coração. Suar, rir por nada, perder a fome e o sono.
Menina rica, do Colégio da Irmãs e ele numa pendura de dar gosto  no Colégio Estadual.
Poucas roupas e todas de frio. É o normal em Delfim.
Encontros inesperados programados por ele com muita antecedência. Nos dias de semana tranquilo: Cruzavam-se em frente ao Bar do Totó. Era sagrado. Risinho para lá e para cá. As colegas da princesa a cutucavam com os cotovelos.
E nada.
O sábado levava uma eternidade para passar. À noite, nos giros da Praça, pelo menos dez encontros e nada.
Domingo na missa das 10 na matriz. Uma santinha dos olhos azuis. E nada.
À tarde, na sessão das quatro e quinze a dúvida cruel: Ela irá no Presidente ou no Alvorada. Olhando de longe e nada.
Que filme passou ? Sei lá! Sei que aparecia um leão no começo.
À noite no girar da praça. Das 20 às 21:30 horas. Dez giros e 20 encontros. Risos, caras, caretas e nada.
Sapato novo apertando e insistindo em engolir a meia.
Perigo iminente:
O arrumadinho que tocava na fanfarra se engraçou com minha loirinha.
Amanhã eu decido isso. Afinal, sou dos nascidos em Passa Quatro e criado em Delfim Moreira. Terras de revolucionários.
Noite em claro treinando gestos, jeitos e palavras. Tudo decorado.
Segunda feira de novembro horário de  verão 40º  e camisa nova. Tudo bem que era de xadrez, de flanela e com mangas compridas. Ás cinco da tarde, quando terminar as aulas e acontecer o nosso primeiro encontro falado, pode dar uma esfriadinha.
Estava ao lado da estátua quando ela saiu pelo portão. Parecia que estava atrasada umas duas horas, mas o Seiko de aço marcava só 17:10.
Ao vê-lo ela se assustou um pouco. Daqueles sustos de felicidade.
Limpando a garganta ele caprichou na voz de Rock Hudson (em português):
- Posso falar com você e talvez acompanhá-la até o Centro ? (ela morava na Praça do Banco do Brasil)
- Como uma cotovia (êpa!) ela murmurou docemente:
- Por mim tudo bem.
As colegas, entre risinhos se afastaram. Ele suspirou e pensou: Enfim, sós.
Seguiram.
A cabeça do jovem futuro médico aftalmo embaralhou-se. As palavras brigavam na ante-sala da fala e não se harmonizavam em frases. Seguiam caminhando. Ele trôpego de felicidade, não sabia por onde passava e o que estava acontecendo.
Atônito e em silêncio.
Após uma eternidade, atravessaram a praça no mais completo mutismo. Ela com sorrizinho feliz estampado no rosto. Ele avançando como um robot de olhar parado.
- Chegamos, murmurou a jovem ao chegar no portão da residência. E aí, o que você queria falar, disse com um lânguido olhar azul piscina.
Ele fitando-a com os olhos esgazeados reuniu as suas últimas forças e grunhiu:
- Tchau !
Virou-se e caminhando em direção ao Pé de Porco perguntou para o Sr. Zé:
- Quantas pingas dá para tomar com 10 cruzeiros ?
- Cinco das lavradas.
- Manda ver. Hoje eu morro para largar de ser um mudão.
É a vida...
 
ER
  

SÓ BLUES



Maravilha !

ER

SÓ FALTA !



Youssef para Presidente !

Clarin da Boa Vista

A JATO - LAVOU TÁ NOVO