domingo, 4 de agosto de 2013

PORQUE HOJE É DOMINGO

HOMENS DE CONFIANÇA

Clareando um pouco o ambiente, ainda sobre a Siemens, deu na Tribuna da Internet
 
DEA internet está cheia de notas revelando que Vinícius Marques de Carvalho, o presidente do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) é sobrinho de Gilberto Carvalho, secretário do Lula e da Dilma. Antes de chegar ao cargo, atuava no Ministério da Justiça, comandado por José Eduardo Cardozo. De 2008 a 2011, também o irmão de Gilberto Carvalho já fatura uns trocados como conselheiro do CADE. Assim, fica difícil defender o CADE.
 
Tribuna da Internet
 
ER

LESMA


FICHA CORRIDA



Deu no Estadão

A Siemens está proibida até o fim de 2014 de participar de qualquer licitação pública promovida pelo Banco Europeu de Investimentos (BEI), justamente por violações da política antifraude na Europa. Os dados fazem parte do informe que foi publicado ontem pela empresa alemã e confirmam que um acordo acabou sendo fechado entre o banco e a multinacional, depois da revelação de violações. 
As irregularidades foram descobertas pelo BEI que, na Europa, tem a função de financiar projetos de desenvolvimento de infraestrutura. As violações teriam ocorrido em licitações públicas. Segundo o informe financeiro da Siemens, a empresa tomou a decisão por conta própria de se afastar de qualquer tipo de licitação pública financiada pelo banco por 18 meses, contados a partir de março.

Além de ficar de fora de grandes contratos, a Siemens ainda se comprometeu a pagar um total de 13,5 milhões (mais de R$ 40 milhões) em compensações. O dinheiro será destinado a entidades, organizações não governamentais e universidades que tenham projetos dedicados à luta contra a corrupção. Pelo acordo, a gigante alemã também se comprometeu a ajudar o BEI nas investigações em relação "à condução ilícita de projetos financiados" pelo banco.

Mas a corrupção da Siemens não se limitou ao BEI. A multinacional alemã foi flagrada em um esquema de corrupção envolvendo contratos financiados pelo Banco Mundial. Em 2009, a instituição revelou que os alemães teriam pago propinas de até US$ 3 milhões para ficar com contratos milionários na Rússia.
Como punição, a Siemens ficou entre 2009 e 2011 proibida de participar de qualquer projeto no mundo que fosse financiado pelo Banco Mundial. A instituição ainda conseguiu que a empresa se comprometesse a destinar US$ 100 milhões nos próximos 15 anos para lutar contra fraude e contra corrupção.

Ainda em 2009, a Siemens encerrou uma das maiores investigações de corrupção na história corporativa, aceitando pagar a multa de U$ 1 bilhão a autoridades da Alemanha e dos Estados Unidos por propinas que pagou a funcionários públicos estrangeiros para garantir contratos em obras públicas.
Estadão
Blog: Conforme a própria empresa já declarou, no Brasil não aconteceu diferente. Resta saber se a justiça brasileira será diferente das dos outros países citados. Dá saudade da Delta.

ER


AEROPORTO


Fomos almoçar ontem no Pesqueiro Tererê. Como sempre, espetacular a comida e o tratamento dispensado pelo amigo proprietário Sr. Raimundo e família. Horas agradáveis. De passagem, cumprimentamos a jornalista Maria Paula Feichas, que também lá estava com familiares. Aliás, registre-se: Ainda não provei cebola à milanesa como a do Tererê. Não existe. A do Outback nem chega perto.
Onde entra o aeroporto da terrinha na história ?
Na saída, do alto do morro, deu para ver uma movimentação de máquinas e caminhões iniciando o aterro da várzea. Curioso, no retorno fui até o terreno, nos fundos da Helibrás, verificar. Já estão trabalhando.
Não sei se a área foi desapropriada e os proprietários indenizados. Muito menos o valor pago pelo Estado.
Continuamos achando despropositado o Estado investir 100 milhões numa obra não prioritária, num momento que cortam funcionários, secretarias e correm atrás de centavos.
Dinheiro do Estado é dos mineiros.
Mas já que tornou irreversível, vamos em frente. Que tudo corra bem e não haja interrupção.
Argumentamos até onde deu sobre o projeto. Insistir no já decidido pelo governador é burrice.
Completando: No bom sentido, muita poeira por lá. Dois caminhões pipas molhando a pista de acesso à Mahle.

ER

TEMA ATUAL


Vai acontecer na PUC do Rio de Janeiro, entre os dias 12 e 15 de outubro, o 8º Congresso da Abraji - Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. Haverá um debate sobre a evolução da reportagem com os jornalistas José Hamilton Ribeiro e Caco Barcelos.
Estarão presentes no congresso:
Joaquim Barbosa
Juan Arias - El País
David Carr - New York Times
Thomas Blanton - Agência de Segurança Nacional americana
Clóvis Rossi - Folha
Juca Kfouri - Folha
Rubens Valente - Folha
As inscrições para o evento podem ser feitas pelo site da Abraji - (www.abraji.org.br) com preço até 09 de setembro, de R$ 215 a R$ 290.
Blog: Bom para o pessoal do setor. Alô Itajubá Noticias e O Sul de Minas.

ER

ESQUADRÃO DA VILA


Não ando acompanhando, por razões óbvias de torcedor, o futebol brasileiro. Fiquei mal acostumado vendo na TV, o Bayern, Barcelona, Real Madrid, PSG, Manchester, Chelsea e outros. Os brasileiros bons de bola estão por lá.
Pois é...assisti outro dia o Barcelona e Santos. Foi de oito como poderia ser de dezesseis. Tudo a zero, pois o Santos não teve nenhuma chance real de gol.
Pior. A lavada poderia acontecer com qualquer dos times brasileiros, inclusive os que estão na liderança do campeonato brasileiro. Aliás, poderia acontecer inclusive com o Galo mineiro. Apanharia de um pouco menos mas apanharia feio.
Episódio triste na história internacional do time da Vila Belmiro. Todos os que gostam do bom futebol lembram do grande Santos. Nem citarei Pelé. É covardia.
Gilmar, Carlos Alberto, Djalma Dias,Mauro,Carlos Alberto, Calvet, Zito, Mengálvio, Dorval,Toninho Guerreiro, Pagão, Coutinho, Pepe, Edu, Ramos Delgado, Lima, Geraldino, Dalmo, Almir e outros, encantaram o mundo.
Agora, em troca de engordar os cofres com a venda do Neimar, colocam um grupo de jovens jogadores e alguns veteranos com bons serviços prestados, para enfrentar a máquina catalã.
Judiação ver os jogadores da Vila perdidos em campo.
O Santos, de certa forma, tirando os seus torcedores, é o segundo time de todos os brasileiros e ficamos tristes.
Conseguiram arranhar o passado de glórias.
É a vida.

ER

ATA DE REUNIÃO

Aconteceu na reunião de emergência da cúpula:

Chefe - Estão todos aí ? o Gilbertinho ? o Zé ? JP ? o Antonio ?
Japonês - O Genu não veio. Ainda não teve alta. A Rose foi para a praia.
Chefe - Companheiros, por essa eu não esperava. Tudo podia acontecer, menos isso. É uma vergonha. Como irei encarar os companheiros do foro São Paulo ? O que o Maduro vai pensar disso ? E o Evo, a Cristina e o Raul ? Jamais vi em toda a minha vida tamanha incompetência. É inadmissível. Alguém pode me apresentar alguma justificativa ?
- Presidente, isso começou a ser articulado em 2000. Nós ainda não tínhamos chegado no poder.
Chefe - Não me interessa. Não venha com desculpas esfarrapadas, ainda mais de você que se deixou pegar e está condenado.
- Sim, mas estamos mexendo com os pauzinhos e ainda iremos escapar dessa.
Antonio - Calma gente. Temos que ver o lado bom das coisas. A imprensa começou a cair em cima deles.
Chefe - E daí ? a divulgação disso só nos humilha. Nos diminói (?). Gilbertinho, fale com a companheira para falar com a grobo, folha, estadão e bendita istoé, para tirar o assunto de pauta. Já, Já. Ligue agora.
Japonês, entre em contato com o Marco Aurélio top-top e diz para ele explicar a tragédia para os companheiros líderes africanos.
JP - Presidente, o prejuízo não foi tanto assim. Falam só em 600 milhões.
Chefe - JP meu filho, você está raciocinando mal. A percpeticva (?) da prisão está te perturbando. Não é pela merreca do dinheiro. É a desmoralização. Nós construímos isso. Aperfeiçoamos. Refinamos. Aí esta o processo 470 que não nos deixa mentir. E agora ?
- Pelo menos uma vez na vida eu vou ser sincero: Não vejo tanto desgaste assim.
Chefe - PQP ! Como vamos justificar que não fomos nós os cabeças do propinoduto do metrô de SP e o de Brasília ? A paulistada é capaz de dizer que são os pioneiros ! Que nós copiamos ! Que já pegamos os esquemas montados. Quero que fique claro: Nunca antes na história desse país, alguém conseguiu agir nesse campo como nós. Vamos infiltrar gente nossa. Arrumar fichas de filiação no partido, dos agora acusados. E atenção, com data anterior aos fatos.
Não aceito que essa bobeira manche a nossa história.
Vergonhoso. Considero encerrada a reunião.
SP 02/8/1913




PHOTOGRAPHIA NA PAREDE



Mikael Ande, um menino de uma tribo Sámi (Lapônia finlandesa) de pastores de renas, descansa após um longo dia de trabalho cuidando dos animais. Os meninos dessas tribos aprendem a cuidar dos animais e a moverem-se pela terra onde vivem desde a mais tenra infância. O pequeno Mikael saia mais da natureza do que eu jamais poderei aprender.
(Foto e texto de Michelle Schantz/National Geographic)

ER