segunda-feira, 1 de julho de 2013

DEU NO JORNAL

 
 
Polícia confunde chegada dos ministros da Dilma para reunião na Granja do Torto com manifestação de protesto.

Clarin da Boa Vista

SOB A LUZ DE VELAS



Éramos infelizes e não sabíamos.

Folha

AGORA VAI


Deu no site da Prefeitura Municipal de Itajubá.
Na semana passada o Prefeito Rodrigo Riera esteve, acompanhado do Dep. Bilac Pinto, do Nárcio Rodrigues, do Joel da Guadalupe e do Adilson Primo (parece que vi em uma das fotos o Reitor Dagoberto/ Unifei) em audiência com o Ministro de Ciência e Tecnologia, Marco Antônio Raupp.
Foi anunciada a liberação de recursos para o projeto de implantação do CNTH - Centro Nacional de Tecnologias de Helicópteros. Isso é bom.
Sobre o CNTH disse o Prefeito:
 
"O impacto no desenvolvimento tecnológico e econômico de Itajubá e região será semelhante ao ocorrido na cidade de São José dos Campos, com a criação do Instituto Tecnológico de Aeronáutica – ITA e Centro Técnico Aeroespacial – CTA. “Com um custo total estimado em torno de 200 milhões de reais, o CNTH funcionará como um centro de conhecimento composto por laboratórios a serem operados por engenheiros e técnicos altamente especializados, oriundos da Universidade Federal de Itajubá - UNIFEI e da indústria, gerando desenvolvimento econômico e bem-estar social a toda nossa cidade. O objetivo do CNTH será apoiar o processo de transferência de tecnologia dos helicópteros que serão fornecidos para as forças armadas brasileiras e dominar o conhecimento e o desenvolvimento das tecnologias necessárias à produção de um helicóptero brasileiro até 2020."

 

Blog: Ou o pessoal é realmente inexperiente ou ainda estão politicamente empolgados. O tal Projeto deverá ser objeto de concorrência internacional. Para preparar e lançar o edital deverá ir até o final de 2013. Isso não se resolve até o final de 2014. Temos a esperança na mudança do governo federal. Se acontecer, começará tudo de novo. Gente especializada formada pela Unifei só daqui a uns 5 anos (de forma otimista).
Helicóptero brasileiro em 2020 ?
Fabricantes de helicópteros no mundo ? Eurocopter, Agusta, Bell e um Russo. Tecnologia ultra-sofisticada.
Comparar com a história do CTA e do ITA é um disparate.
Ouvi hoje trechos de entrevista (na JovemFM) concedida por um Professor da Unifei sobre o tema (não ouvi o nome do professor) e deu para sentir como ainda está cru o assunto.
Quando falam em custo de R$ 200 milhões, imagino que seja investimento. Quem irá investir esse valor em tempos tão bicudos ?
Posições extremamente otimistas é que provocam desgastes desnecessários.
Pé no chão gente.
 
ER 
 







AI DAQUELES


Ai daqueles que brincam com a esperança de um povo!
Ai daqueles que se banqueteiam junto à fome de seus irmãos!

Ai daqueles que são fúteis numa hora grave,
Indiferentes num momento definitivo!

Ai daqueles que fazem da mentira a verdade de suas vidas!
Ai daqueles que usam os simples como degraus de sua vaidade
e instrumento de sua ambição!

Ai daqueles que fabricam com a violência a trama do medo!

Ai daqueles que usam o dinheiro para prostituir,
humilhar e deformar!

Ai daqueles que se atordoam
para fugir das próprias responsabilidades!

Ai daqueles que traficam a terra de seus mortos, enxovalham
tradições e traem compromissos com o presente e com o futuro!

Ai daqueles que se fazem de fracos no instante da tempestade!
Ai daqueles que se acomodam a tudo, que se resignam a tudo,
que se entregam sem lutar!

Ai daqueles que loteiam seus corações, alugam suas consciências,
transacionam com a honra,
especulam com o bem, açambarcam a
felicidade alheia e erguem virtudes falsas sobre pântanos!

Ai daqueles que concordam em morrer vivos!

Paulo Bonfim -  2007.

PROMETEU, CUMPRIU E PRONTO !

Ouvido ontem na Feira Livre da Avenida:

 
- Ô Cumpadre,  o movimento surpreendente das ruas tem levado os políticos a uma situação de apavoramento total. Buscam orientação sobre como proceder até junto a antigos e desinformados gurus.
 
- Verdade. Muitos até estiveram no final de semana na Aparecida do Norte para fazer e cumprir promessas.
 
- Éh...mas muitos andam incorrendo num erro primário. Estão assumindo mais responsabilidades do que podem. Irá complicar mais para frente. No apavoramento e na necessidade de dar uma satisfação para o povo, o vereador pressiona o prefeito, que pressiona o deputado estadual, que pressiona o deputado federal, que pressiona o ministro, que pressiona o governador, que pressiona a presidente...e assim vai. Todos querem o anúncio de uma obra ou algo que desvie a atenção. Sempre falam de milhões.
 
- Claro que não é por aí. A população está com o saco cheio dos políticos. Pisaram muito na bola nos últimos tempos. Prometer mais coisas nesses tempos é burrice. Com certeza não cumprirão.
 
- Faz sentido. O correto seria simplesmente listar os compromissos de campanha e firmar no discurso dizendo: "Eu e meus companheiros estudamos para apresentar um plano de governo. Se prometemos esse pacote é porque seria viável. Iremos fazer isso.  Estaremos sempre em busca de um adicional, mas o nosso trato escrito será cumprido. Pronto.
 
- Simples.
 
ER

AGORA VAI

 
Dilma promoverá hoje a tão esperada reunião com seu ministério.
Se ela, para estimular a turma, falar intercaladamente por 30 minutos e cada um dos seus ministros, chorar as mágoas, por 10 minutos, teremos 420 minutos de reunião. Serão simplesmente 7 horas de agradável conversa.
Como muitos terão que ser apresentados (à própria Dilma), o que tomará mais algum tempo, estima-se que o encontro dure no mínimo, 8 horas.
Será proibido manter os celulares ligados durante o evento e senhas para o uso do banheiro serão distribuídas. Senhoras e ministros com mais de sessenta anos terão preferência.
Esperam-se grandes e oportunas sugestões, sobre o momento turbulento vivido pelo país,  vindas do  Sr. Ministro da Pesca Marcelo Crivella (sim, temos ministro da pesca).
Lado bom: Oito horas isolados evitará a execução de muitas ordens de pagamento e assinaturas de cheques. 
Se representar economia para o país, tais reuniões poderão se tornar diárias.

ER

PARA JOVENS POLÍTICOS

 
Somente políticos de gabinete são imunes ao erro. Os erros são inerentes à ação política. Quem está no centro da luta política, tendo que lidar com problemas práticos e prementes, dispõe de  pouco  tempo para reflexão, não há precedentes para guiá-los e estão sujeitos a errar muitas vezes. Mas no devido tempo, desde que sejam flexíveis e preparados para um exame crítico do próprio trabalho, adquirem a experiência e a visão necessárias para evitar as ciladas mais comuns, e podem seguir adiante em meio à palpitação dos eventos.

Nelson Mandela

MOÇA BONITA

Cláudia

VERDADE !


Reunião, reunião, reunião, reunião, reunião, reunião...

ER

NÃO ESTÃO NEM AÍ