quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

SOB A LUZ DE VELAS

 
Afirma que não participa da política porque a política está cheia de corruptos. Como se não houvesse lugar para mais um.
 
Millôr 

ACERTOU NA QUINA !

PRETINHO BÁSICO

Bonequinha de Luxo

CARO AMIGO

23/01/13

Caro Amigo,
 
Hoje é um dia especial para você e para todos nós que te queremos bem. Tempos complicados esses ora atravessados. Repito: atravessados.
Tenho comigo que a parte mais difícil já passou. Primeiro vem a surpresa, depois vem a indignação com a injustiça, depois vem o desânimo e finalmente, com a imprescindivel ajuda do Pai, ressurgem as esperanças e a certeza da superação de todas as dificuldades.
Confesso que em momentos de tibieza, de minha parte, busquei explicações para o acúmulo de tantas pedras no caminho.
Fase ultrapassada.
Presenciaremos juntos coisas  maravilhosas. Quando ? Pressinto que está por perto. Quem prometeu nunca falhou.
Você é especial. 
 
Um grande abraço.

ER

VERDADE

Ouvido hoje na fila do Banco do Brasil:
 
- Ô Cara ! você sumiu. Não sai mais de casa ?
 
- Mêu, pelo que a Boa Vista oferece, está cada vez mais difícil sair de lá.
 
ER

MELHOR ESQUECER


CURIOSIDADE

A minha última conversa direta com um prefeito da cidade, no exercício da função, tinha sido com o Chico, no final de 2004.
Passei os últimos oito anos sem a oportunidade de falar com a autoridade maior da cidade.
Posso também afirmar que praticamente não conheço o Centro Administrativo de Itajubá. Praticamente, pois só estive lá uma vez há alguns anos, no tempo do Sr. BPS, não passando porém, do saguão de entrada. Estava resolvendo uma questão de IPTU.
Curiosidade apenas, porque  certamente ninguém perdeu nada com o silêncio. Cidadão quase ausente.
Ontem, pelo telefone, falei rapidamente com o Prefeito Rodrigo Riera.
É a vida.
 
ER

CARTAS QUE NÃO RECEBI

Itajubá, 23 de janeiro de 2013
 
Prezado Zelador,
 
Acabei de tomar conhecimento, com certa emoção, que fui o feliz acertador das dezenas da Quina da Loto.
R$ 6.711.181,72 não é muito, mas também não é pouco.
De imediato gostaria de tornar público que não pretendo ficar com nenhum centavo dos meus conterrâneos moradores na terrinha.
Recomendo que não desfaçam dos seus comprovantes de aposta.
Oportunamente, em ocasião e local a serem divulgados pela imprensa, reembolsarei a todos itajubenses os valores apostados.
Não me sentiria bem com dinheiro de pessoas conhecidas.
Agradeço a divulgação.
 
Ganhador

Adendo: Considerando a dificuldade operacional e a certeza da quebra do anonimato, mudaremos o procedimento. Consultaremos as casas lotéricas da cidade e concluiremos pelo montante apostado pelos moradores da terrinha. Inclusive com os impostos leoninamente abocanhados pelo governo, tal valor será distribuido para obras assistenciais locais.
Anônimo Ganhador