quarta-feira, 14 de novembro de 2012

PODEM VIR



PRÁ VOCÊ QUE ESTÁ CHEGANDO

São Paulo, 13 de novembro de 2012

Caro Luc

Você fez muito bem em antecipar a sua chegada. Se estava tudo bem, tudo preparado, para que esperar ? Lembre-se sempre dos versos do Geraldo Vandré: "quem sabe faz a hora não espera acontecer".
Nao se assuste com esse calor frio chuvoso e seco de São Paulo. Na terrinha o tempo é mais equilibrado, mais definido.
Um dia o seu primo João, também meu grande amigo, vai lhe contar que no momento da chegada dele ao planeta, no dia 29/9/2008, eu estava estava participando de um comício no Bairro de N.S. de Fátima. Esse risco você não correu. Primeiro porque as eleições já se realizaram e segundo porque o seu avô já pendurou a "chuteira partidária".
Guarde só para você: No momento de sua chegada, seu avô estava chegando em São Paulo pela Rodovia Ayrton Senna e pasme: ouvindo no carro um cd de mambo do Perez Prado. Gosto estranho e jurássico.
Ah!não se assuste com o barulho sobre penas, prisões e mensalões. Um dia lhe explicarei. Simplesmente estão passando o país a limpo.
Estaremos te esperando no natal na casa da Vó Sonia. Aquele embrulho lindo, com papel brilhante em azul e prata é para você. O em papel vermelho é do João.  O embrulho amarelo é para o Mateus, que só chegará no início de 2013.
Teremos muito o que falar nos próximos anos.
A casa é sua.
Beijo,