segunda-feira, 3 de setembro de 2012

SOB A LUZ DE VELAS

"...A gente se acostuma para não se ralar na aspereza, para preservar a pele. Se acostuma para evitar feridas, sangramentos, para poupar o peito. A gente se acostuma para poupar a vida. Que aos poucos se gasta, e que, gasta de tanto acostumar, se perde de si mesma.”

Marina Colasanti

FRASE DO DIA

 Eu não me empolgo com essa notoriedade. Os políticos me odeiam por isso.

Ministro Joaquim Barbosa

ESTÁ NO MEU TELEFONE



O letrista Hal David, tomou o barco no último sábado, em Los Angeles, aos 91 anos. Compôs com Burt Bacharach muitos sucessos. Entre eles, "Raindrops Keep Fallin on my Heart", composta para o filme "Butch Cassidy e Sundance Kid", que levou o Oscar por melhor canção.
A dupla de compositores foi homenageada no início do ano pela Biblioteca do Congresso dos EUA, com o Prêmio Gershwin Prize para Música Popular.
"Close to You" (com Carpenters) foi composta por eles.

ER

DECIFRE SE FOR CAPAZ !

Imagine se tivéssemos segundo turno nas eleições da terrinha e pensando alto, mesmo sabendo que votos, dificilmente, são transferidos:
 
Se disputassem um hipotético segundo turno, os candidatos Jorge e Paulino. Talvez Paulino passasse a contar com o apoio do Rodrigo e do Chico.
 
Se disputassem o Rodrigo e o Chico. Talvez o Jorge apoiasse o Chico e o Paulino o Rodrigo.
 
Se disputassem o Rodrigo e o Jorge. Talvez o Chico apoiasse o Jorge e o Paulino o Rodrigo.
 
Se disputassem o Rodrigo e o Paulino. Talvez o Chico apoiasse o Paulino e o Jorge ninguém.
 
Se disputassem o Paulino e o Chico. Talvez o Rodrigo apoiasse o Paulino e o Jorge o Chico.
 
Se disputassem o Jorge e o Chico. Talvez o Paulino e o Rodrigo não apoiassem ninguém.   
 
Conversa fiada ? Não muito.
 
Segundo a história (poderá mudar), as eleições na cidade sempre se polarizam. Dois disputam mais acirradamente na reta final. Se for divulgada uma pesquisa eleitoral (séria) nas vésperas das eleições, destacando a disputa entre dois dos candidatos, muitos dos eventuais eleitores "flutuantes" daqueles que, virtualmente, estariam fora da disputa, bandeariam para um dos dois na dianteira, seguindo mais ou menos a lógica acima.
Se isso fizer sentido, torna-se numa razão a mais para afastar animosidades nos discursos. 
 
Claro, tudo não passa de especulações.
 
ER 

MOÇA BONITA

Monica (Sponholz) Bellucci

DESDE 1969, COM ORGULHO


BURRO SENTIMENTAL

A Folha traz hoje um caderno com o primeiro ranking de universidades brasileiras. Foram classificadas 232 instituições de ensino superior brasileiras, sendo 41 faculdades e centros universitários e 191 universidades.
Quatro aspectos foram analisados:
Qualidade do ensino
Pesquisa
Reputação no mercado
Inovação
 
As primeiras dez:
USP, UFMG, UFRJ, UFRGS, UNICAMP, UNESP, UFPR, UnB, UFSC e UFPE.
 
A nossa UNIFE aparece na longiqua 56ª posição, comendo poeira das suas irmãs Viçosa (22), Lavras (30) e Ouro Preto (37).
 
Assustadores são os números das pontuações por item avaliado:
 
UNIVERSIDADE   ENSINO/PESQUISA/MERCADO/INOVAÇÃO/TOTAL
 
USP                   9,68/54,38/19,78/4,95/ 98,78
 
UNIFEI              2,01/37,71/1,25/3,32/ 44,28
 
Das 22 instituições avaliadas em Minas Gerais, a UNIFEI ficou em 8ª posição.
 
Como não sou especialista em avaliações, no primeiro momento, só me resta sentar na beira da calçada e lamentar. Não sonharia estar entre as dez, mas entre as quinze...
Quase cai de costas ao ver o ínfimo "1,25" na avaliação do mercado. 
 
Vamos ver.
 
ER