sexta-feira, 24 de agosto de 2012

LINHA DURA

Deu na Coluna da Mônica Bergamo, da Folha.
 
Lewandowski tem sido duro em outros julgamentos. Anteontem, numa das turmas do STF, negou habeas corpus para um carcereiro acusado de peculato em Tatuí, em SP. Ele foi condenado por furtar o farol de milha de uma moto. O valor, apurado em perícia: R$ 13.
Lewandowski, também foi contra um pescador que fisgou ilegalmente 12 camarões em Santa Catarina, foi voto vencido: Gilmar Mendes e Cesar Peluzo, da mesma turma, defenderam o trancamento das ações. Numa terceira, sobre o furto de uma bermuda, acompanharam Lewandowski: o réu tinha antecedentes criminais.
 
Mônica Bergamo

DEU ELES !

Advogado dos mensaleiros comemoram (foto O Globo)

ESCOLHENDO O PEIXE