domingo, 8 de julho de 2012

SOB A LUZ DE VELAS

Quando vemos um gigante, temos primeiro de examinar a posição do sol e observar para termos certeza de que não é a sombra de um pigmeu.

Friedrich Novalis

SÓ BEATLES



De todo o jeito é bom.

ER

EDIÇÃO ESGOTADA

Ouvido hoje na Feira Livre do Ceasa, na Avenida:

- Õ Cumpadre, um vizinho me disse que pela primeira vez na história da terrinha, esgotou-se a edição de um jornal semanal. E no primeiro dia de circulação.

- Será que lançaram algum caderno especial sobre cultura ? Afinal, aqui é uma cidade universitária. Ou quem sabe algum suplemento especial sobre viagens. Afinal, as férias estão ai.

- Penso que não é bem assim. Na terrinha, as atenções são chamadas por outros assuntos. 

- Suspeitam que foi um mesmo grupo que adquiriu toda a edição.

- Ah... entendi...

- Abra o olho. Já ouvi uma história semelhante acontecida no passado. Compram tudo para distribuir na véspera das eleições, tentando confundir os eleitores, como se fosse coisa nova.

Éh...Faz sentido.

ER

 

ESPORTE OU CARNIFICINA

Continua Valendo - Publicado em 12/01/2012
 
Em toda a minha carreira jamais assisti um round sequer de luta livre ou vale-tudo, que agora chamam de UFC. Violência pura.

Se não restava nenhuma esperança que eu viesse a assistir a um desses massacres, agora sabendo que o locutor oficial passou a ser o Galvão "vai-que-é-sua-taffarel", a possibilidade está descartada.

Desde moleque acompanhei as lutas de boxe, que (com outra regras) esteve presente na 23ª Olímpiada realizada 688 a.C.

Voltou na Olimpiada de St. Louis em 1904.

Busquei informações e conheço a história dos grandes lutadores do passado, que aliavam técnica, resistência, força e respeito.

Poderia falar do Rock Marciano, Jake la Motta, Joe Louis, Jack Dempsey, Max Baer, Sugar Ray Robinson, Floyd Patterson.

Estes já acompanhei pela televisão e cinema: Muhammad Ali (o maior de todos), Joe Frazier, Júlio César Chaves, Mike Tyson, Eder Jofre, Archie Moore, Thomas Hagler, Roberto Duran, Sugar Ray Leonard, Oscar de la Hoia e os cubanos amadores Teófilo Stevens e Féliz Savon, ambos ganhadores de três medalhas de ouro olímpicas.

Esquivas, defesa, velocidade, habilidade, golpes disciplinados, fazem do boxe um esporte que, muitas vezes também, termina por provocar pesados danos nos competidores (principalmente no futuro).

Assistir, ainda com Galvão Bueno, pancadarias de açougueiros não é comigo.
 
ER


MOMENTOS MÁGICOS

EU PROMETO