terça-feira, 19 de junho de 2012

SOB A LUZ DE VELAS


O riso é a mais antiga e mais terrível forma de crítica.

 Eça Queirós

INEXPLICÁVEL !

Deu no Valor e na Folha

A Siemens confirmou hoje ao Valor que sua fábrica de motores no Brasil será construída em Minas Gerais.
Segundo o presidente da multinacional alemã, Paulo Stark, a fábrica começará a ser levantada este ano e entrará em operação no fim de 2013. “Ou até um pouco antes”, disse ele, durante evento na Rio+20.
O executivo brasileiro, que assumiu a presidência da Siemens no país em outubro, afirmou que a nova unidade receberá investimentos de US$ 60 milhões e produzirá motores de alta eficiência para diversos segmentos da indústria, como óleo e gás.
Stark não quis comentar, no entanto, em qual município a nova fábrica será instalada. “Anunciaremos em breve.”
Essa é a primeira fábrica de motores da Siemens na América Latina. Até lá, a empresa continuará a importar motores da matriz na Alemanha.

Blog: Vamos por partes Dr. Stark:

O Prefeito e a Câmara Municipal de Itajubá já aprovaram a concessão de incentivos, de áreas, etc para a Siemens. Falamos de coisas de 2011.
A implantação da empresa na terrinha foi anunciada por meio mundo.
Agora somos surpreendidos por uma declaração da  autoridade máxima da empresa (ontem na Rio +20), dizendo que anunciará em breve  o nome do município (?).
Estranho.
ER


EMOTICONS

Mdig
Incomoda ?

ER

PESADELO

NECESSIDADE DE POSICIONAMENTO

Ouvido hoje na Feira Livre da Boa Vista, na Av. Dr. Rosemburgo Romano:

- Ô cumpadre, o ex - presidente Lula e os próceres do PT têm cometido tanto desatino nos últimos tempos, tantas declarações exdrúxulas, tantas atitudes desrespeitosas e sem nexo, que estão me colocando num dilema.

- Desembucha homem !

- Trazendo a questão aqui para a terrinha, onde a gente se encontra nas ruas, no supermercado, nos velórios, casamentos e aniversários. Conheço e respeito pessoalmente muitos petistas locais, como o Ulisses, Paulino, Paulo Salomon, Gama, Célinha, Chico e outros cujos nomes me fogem.

- E daí ?

- Fico pensando:  Se esse pessoal, aceita tudo o que está acontecendo e engole calado por não ter outra alternativa política no momento, até entenderei o silêncio deles. Mas se eles tentarem defender e justificar o indefensável e o injustificável, mesmo que desarvorados, ficará difícil ouví-los falar sobre quaisquer projetos de desenvolvimento muicipal ou regional.
Teriam perdido completamente o rumo.

- Éh...Faz sentido.

ER

VENDENDO A ALMA

Do jornalista Ricardo Setti

Ele era o Cão, o Maldito, o Inominável. Desde que surgiu na política, bajulando a ditadura para conseguir ser prefeito biônico de São Paulo, depois, sendo secretário dos Transportes e, posteriormente, utilizando métodos que todo mundo conhece para ganhar a “eleição” indireta para governador (cargo que exerceu entre 1979 e 1982), Paulo Salim Maluf, 81 anos, foi combatido ferozmente pelos militantes que, a partir da fundação do partido, em 1980, seriam os quadros do PT.
Seu modo de fazer política, seu modo de governar, suas prioridades como homem público, sua proximidade e vassalagem à ditadura, a maneira ela qual conseguiu ser “candidato” a presidente pelo Colégio Eleitoral — tudo o que contribuiu para unir políticos moderados que até então apoiavam a ditadura para voltar-se ao candidato da oposição ao Planalto, Tancredo Neves — eram o extremo oposto de tudo o que o PT dizia defender.
Dizia. Porque depois que “Lulinha paz e amor” se elegeu presidente, em 2002 (precedido por comportamentos heterodoxos de prefeitos e governadores petistas), as coisas mudaram.
O deus todo-poderoso do lulalato abjurou umas tantas coisas, abriu os braços para gente como Sarney, Jader Barbalho, Renan Calheiros, Romero Jucá e tantos outros do mesmo jaez, e aceitou, feliz, o apoio parlamentar do malufismo, que sempre se situou na outra ponta do espectro ideológico “deste país”. Depois, quando Collor se tornou senador– o mesmo Collor que havia, entre outras proezas, utilizado de forma sórdida a vida pessoal de Lula na histórica primeira eleição presidencial depois da ditadura, em 1989 –, sem pudor algum aceitou a aliança com o homem escorraçado da Presidência, e por aí vai.
Mas homenagear pessoalmente Maluf, como Lula fez hoje, é um passo inédito, significa um grau mais no constante processo de arremesso ao lixo que o PT pratica com suas antigas alegadas convicções e com sua antiga proclamada ética, que uma sentença condenatória no caso do mensalão terminaria de afundar afundar na lama. O ex-presidente dirigiu-se à mansão de Maluf na rua Costa Rica, no Jardim América, em São Paulo, levando pela mão seu candidato a prefeito da capital, o ex-ministro da Educação Fernando Haddad, acompanhado de todo um séquito petista, para agradecer o apoio do ex-Diabo à candidatura que Lula tirou do bolso do colete.
A procissão antes impensável do petismo até a casa de Maluf é o preço que o PT está pagando para ter 1 minuto e 43 segundos a mais de tempo no horário eleitoral gratuito.
É mais um lote da antiga alma que o PT está vendendo.

Ricardo Setti

NOTÍCIA QUE GOSTARIA DE OUVIR

Interpol estende investigações sobre novos amigos do Maluf

Clarin da Boa Vista

PHOTOGRAPHIA NA PAREDE

Foto da primeira sessão de gravação dos Beatles com Ringo na bateria - BBC

AGORA VAI !


 
Habilidade e Experiência. Juntos para limpar São Paulo !
(sugestão de slogan para a campanha)
José Tipica

MOMENTOS MÁGICOS

Único !

FRASE ABOBRINHA DO DIA

Eu avisei que ia dar problema. A Erundina é ótima pessoa. Mas é muito complicada. Se for convidada para almoçar numa churrascaria, ela pede peixe.

Dirigente do PSB - ( Blog do Josias )