quarta-feira, 2 de maio de 2012

SOB A LUZ DE VELAS

Injustiça: de todos os fardos que depositamos nos outros e que carregamos nós próprios, é o mais leve nas mãos e o mais pesado nas costas.

 Ambrose Bierce
 

COLOCANDO O PINGO NO " I "

Em decisão inédita, STJ condena pai por abandono afetivo

Em decisão inédita no Superior Tribunal de Justiça (STJ), um pai foi condenado a pagar indenização de R$ 200 mil por abandono afetivo. De acordo com a assessoria de imprensa do STJ, a filha entrou com uma ação contra o pai após ter obtido reconhecimento judicial da paternidade e alegou ter sofrido abandono material e afetivo durante a infância e adolescência. A autora da ação argumentou que não recebeu os mesmos tratamentos que seus irmãos, filhos de outro casamento do pai.
A decisão da ministra Nancy Andrighi, da Terceira Turma do STJ, é do último dia 24 de abril, mas foi divulgada apenas nesta quarta-feira (2). “Amar é faculdade, cuidar é dever”, disse a magistrada ao garantir a indenização por dano moral.

Uol

ALGO DE BOM


Estão ficando raras, mas coisas boas ainda acontecem na terrinha. Hoje será reinaugurado o Ginásio Poliesportivo Tigre Maia. O nosso Tigrão, palco de grandes acontecimentos na cidade. Registre-se: Obra da Administração Dr. Jorge.
Sob gerência da prefeitura, seria bom que fosse utilizado como ginásio poliesportivo. Outros eventos alí realizados acabam com as instalações.
Seria uma boa oportunidade para homenagear os batalhadores pela construção do ginásio, entre os quais, lembro-me bem, atuou com destaque o nosso amigo Sholey.  
Mas aí já´seria exigir demais.

ER

GERAÇÃO BABY BOOMERS

De vez em quando é bom a gente cair na realidade.
Meu Pai, Sr. Zé Riera nasceu em Pouso Alegre em 1920. Serviu o Exército no Batalhão de Cavalaria naquela cidade. Ainda solteiro e já padeiro, apresentou-se como voluntário na 2ª Guerra Mundial. Foi destacado para servir em Porto Seguro, na Artilharia. Os alemães andavam afundando navios aliados no Atlântico Sul.
Voltou, casou-se e teve onze filhos. Fui o segundo e nasci em 1947. Sou da geração definida como "Baby Boomers", ou seja, a explosão de bebês que aconteceu logo após o final da guerra. 
Interessante a Coluna do Ruy Castro hoje na Folha. Ele também é um Baby Boomer de 1948.
"De repente, o mundo descobriu que a geração "baby boom" está em idade de se aposentar...Bem, passaram-se décadas e os "baby boomers" já podem ser avaliados. Em vários departamentos, não fizemos feio. Ativos desde os anos 60, implantamos o sexo sem culpa, a consciência ecológica, os direitos das mulheres, das minorias e dos animais, revolucionamos a tecnologia, avançamos espetacularmente a medicina e as comunicações etc.
Em compensação, tornamos as cidades impraticáveis, disseminamos as drogas, destruimos o cinema e a música popular, triplicamos a pobreza, intoxicamos o planeta com publicidade, carros e agrotóxicos, compramos e vendemos armas, políticos e tudo que pudesse ser negociado - enfim, vamos deixar também uma bela lambança.
Ao pensar que nossos pais, quando nos conceberam, só queriam um pouco de sossego, "Seleções", Ovomaltine, discos de Tito Schipa, uma cama quente, pijama e, para eles, sim, uma merecida aposentadoria."


ER

EM OUTROS TEMPOS

Lula e FHC

NÃO É BEM ASSIM

Como disse o Rodrigues Marques hoje na FuturaFm ao manusear um carta ou algo assim:

 -  Não irei ler e divulgar. É de um anônimo e isto aqui não é o blog do Zezinho.

Blog: Descaso gratuíto., Devidamente absorvido.

ER

DEVEM MANDAR PARA CÁ !

Deu hoje no "O Tempo":

A sequência de fugas continua no sistema prisional de Minas Gerais. Ontem de manhã, 14 detentos escaparam da Cadeia Pública de Cássia, no Sul de Minas, após renderem o único agente que tomava conta do local. Este foi o oitavo caso de fuga ou tentativa de fuga no Estado em 24 dias - média de uma a cada três dias. Ao todo, pelo menos 43 pessoas ganharam as ruas desde o início do ano.
O estopim do falho processo de execução penal em Minas ocorreu na última sexta-feira, quando a juíza Áila Figueiredo, de Três Corações, também no Sul de Minas, determinou a soltura de cem acusados de tráfico de drogas da penitenciária local por causa da falta de estrutura da comarca, incapaz de dar prosseguimento aos processos dos presos.

O Tempo

JÁ ESTAMOS FAZ TEMPO

0uvido hoje cedo na fila do Supermercado:

Senhor bem penteado - Imagine, o que um senhor de 49 anos poderia estar fazendo às 13:00 horas num local ermo daquele ? É muita falta de responsabilidade ! Ainda mais se tratando de um pai de família!

Senhora um pouco fora do pêso - Não tinha nada que reagir tentando dar uma gravata no incauto menor.

Senhor bem penteado - É tudo questão de educação, preparo, treinamento. Na minha casa todos são orientados para  não frequentar esses lugares afastados e ainda mais nesse horário avançado de 13:00 horas. E tem mais, todos recebem instrução, para num casos desses, respirar fundo, levantar os braços e olhar para baixo. Se a oportunidade for concedida pelo larápio em atuação, o melhor seria cair (lentamente) de joelhos e ficar de "quatro", para tranquilizar o operador da apropriação.

Senhor careca logo atrá na fila do caixa - Ô mêu ! "de quatro" já estamos todos faz tempo !

Desistindo da compra,  pensei: - Faz sentido.

ER  

ECONOMIA DE ESCALA