sábado, 14 de abril de 2012

SOB A LUZ DE VELAS


A beleza ideal está na simplicidade calma e serena.

Johann Goethe

MOÇA BONITA

Gloria Maria

PRÁ PENSAR !

A obesidade no Brasil subiu 40% nos últimos seis anos. O futuro sempre tão prometido chegou. E o Brasil é hoje um novo-rico com todos os traços da categoria.

(Extraido da coluna do Ruy Castro.)

Blog: Alguém ou alguns ficaram com sete dos meus, perdidos nos últimos 6 anos.

ER

É DISCO QUE EU GOSTO



Words
Palavras

Sorria, um interminavel sorriso
Um sorriso trará você para perto de mim
Nunca me deixe vê-la triste
Porque isso me faria chorar
 Este mundo perdeu sua glória
Vamos começar uma nova história, meu amor
Agora mesmo, não haverá outra vez
E eu posso te mostrar como, meu amor
 Fale palavras duradouras
E as dedique todas para mim
E eu lhe darei toda minha vida
Estou aqui se você puder me ligar
Você acha que eu não falo a sério
Cada palavra que digo
São só palavras, e palavras são tudo que tenho
Para ter seu coração de novo


ER

QUASE NO FIM DO MUNDO - 3

Canal de Beagle - Foto Liv/Rack (13/4/2012)
O canal de Beagle é um longo braço de mar que vale como fronteira. Na margem sul estão as montanhas do Chile. Na norte, as da Argentina --como o monte Olivia, de 1.500 metros de altura e uma porção de pontas agudas e íngremes até formarem o pico. O monte Olivia, na Argentina, visto do canal de Beagle, que define a fronteira do país com o Chile; paisagens impressionam visitante.
Os pingüins estão presentes no canal só entre a primavera e o fim do verão. Depois emigram pelo Atlântico para o norte, onde procriam e voltam quando as águas do mar estão menos frias.

ER

E POR FALAR EM PARQUE TECNOLÓGICO E SIEMENS...

As empresas iniciantes brasileiras atraem a atenção do mundo. A Siemens resolveu trazer ao País o programa New Ventures Forum, para investir em startups brasileiras das áreas de energia e biocombustíveis. A empresa alemã receberá projetos até 15 de junho, e vai selecionar de seis a dez deles, que podem receber até US$ 1 milhão cada, em troca de uma participação acionária.
A ideia é que, em até dois anos, as empresas de sucesso sejam absorvidas pela Siemens. Esse programa de “spin in” (incorporação de empresas) da Siemens existe somente em duas outras cidades: Berkeley, nos Estados Unidos, e Xangai, na China.
“Foi uma vitória conseguirmos trazer a iniciativa para o Brasil”, disse Ronald Dauscha, diretor de Tecnologia e Inovação da Siemens no Brasil. “Outros países em que estamos presentes, como Israel e Japão, também estão interessados em recebê-la.”
A Siemens espera receber cerca de 120 inscrições. O público-alvo são as 6 mil empresas das cerca de 400 incubadoras existentes no País. As candidatas devem faturar até R$ 2 milhões. “Pode ser também uma ideia, um plano de negócios”, explicou Dauscha.
As empresas selecionadas passarão por um processo de preparação de três dias, em setembro, e depois serão avaliadas por uma equipe formada por especialistas independentes e representantes da Siemens. As inscrições devem ser feitas até 15 de junho, e as informações estão em www.siemens.com.br/ttbx-brasil.
O objetivo é fortalecer e ampliar o portfólio de produtos e serviços da Siemens. Já foram incorporadas uma dezena de empresas que passaram pelo programa em Berkeley e uma dezena em Xangai. Uma das empresas americanas desenvolveu um sistema de Wi-Fi (rede local sem fio) resistente a ruído, para ser usado em ambientes industriais, e se transformou num negócio de US$ 40 milhões.
A Siemens tem seis centros de pesquisa e desenvolvimento no Brasil, e está para inaugurar o sétimo, no Rio de Janeiro, especializado no setor de óleo e gás.
O Brasil tem atraído investidores do mundo todo. A Telefônica lançou no ano passado o projeto Wayra, para investir em startups brasileiras. A Intel Capital já investe há vários anos em empresas locais. Além disso, os fundos internacionais de investimento têm criado escritórios no País, como é o caso do Redpoint, que colocou recursos em quatro startups brasileiras.

Web



EM OUTROS TEMPOS

Pessoal da Boa Vista no Diretório Acadêmico da Efei. Inicio dos 60´s - Em sentido anti-horario: Pinu Rotella (já tomou o barco), José Cláudio Cardoso, Zezinho Riera, José Roberto Rocha (Berra), Cati, Virgílio Machado e Celso Franco (da Dona Dorfina).
(Foto Thales)

ER

É FÁCIL !