segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

SOB A LUZ DE VELAS

Não entendo. Isso é tão vasto que ultrapassa qualquer entender. Entender é sempre limitado. Mas não entender pode não ter fronteiras. Sinto que sou muito mais completa quando não entendo. Não entender, do modo como falo, é um dom. Não entender, mas não como um simples de espírito. O bom é ser inteligente e não entender. É uma benção estranha, como ter loucura sem ser doida. É um desinteresse manso, é uma doçura de burrice. Só que de vez em quando vem a inquietação: quero entender um pouco. Não demais: mas pelo menos entender que não entendo.

Clarice Lispector

CIDADE VAI PEDIR FALÊNCIA

Não é a nossa.
A liderança da cidade americana de Hamtramck (próxima de Detroit), já não sabe mais que medidas tomar. Já fizeram duros cortes no orçamento. Não gastam mais com tábuas para fechar portas e janelas de casas abandonadas, não podam mais as árvores e cortam o capim. Já enxugaram todas as gordurinhas possíveis.
Fecharam praças e centros de terceira idade.
O que está pesando mais são os salários e benefícios e pensões de funcionários públicos, que somam, 75 policiais e bombeiros e cerca de 250 ex-funcionários públicos e seus cônjuges que hoje recebem pensões.
Desde 1937, 600 cidades americanas pediram falência.. 
Irão aguentar até o final deste mês.

ER

CARTAS QUE NÃO RECEBI - 4

Paris, janeiro de 2011

Caro Edson,

Segue, com todo o respeito, uma fotografia com uma singela dedicatória no verso. Através de você, um abraço enorme aos amigos da Boa Vista. Conforme programado, no meio do ano deverei estar no Brasil e desta vez passarei alguns dias na sua querida Itajubá.
Como você sabe, temos grandes interesses por aí. Comerciais é bom que se diga.
Quero muito conhecer o Tererê, o sorvete de queijo com goiabada do Mauro e fazer compras na Rua Nova.
Não esqueça de me levar para provar um pastelzinho de milho na "boca da ponte", no bairro da Avenida.
Devido aos seus compromissos, o Nícolas não poderá estar junto.
Avisarei quando da viagem.
Em tempo: Aproveitarei a passagem por aí para uma consulta com o meu oculista Dr. Aldo.
Abraço,

Carla 

( o bilhete foi traduzido para o português pela minha secretária) 

SÓ BLUES !



LOVE STRUCK BABY

O texano Stephen Ray Vaughan, simplesmente Stevie, nasceu em Dallas em 1954. Tomou o barco antecipadamente em 1990 em um acidente de helicóptero.
Atravessou na vida muitas dificuldades com o alcoolismo e drogas. Está entre os dez maiores guitarristas de todos os tempos. Sua guitarra era uma Fender Stratocaster. "Love Struck Baby"  faz parte do álbum Texas Flood, de 1983.

ER

PHOTOGRAPHIA NA PAREDE

Frank Sinatra e Ava Gardner em 1950

ANTIGAMENTE O NOME ERA PÉ-FRIO

Deu no Kibeloco.

ER

VAI VOLTAR COM TUDO

Conversa ouvida no Bar Caçador

- E aí cumpadre, então o homem resolveu tirar férias ?

- Merecidas. Passou dois anos arrumando a casa. Quando voltar vai começar prá valer.

- Já tava mais que na hora...

ER

DEU NO BLOG DA CELINHA RENNÓ


Já falamos do ótimo blog da Celinha Rennó (endereço abaixo). Ela firma posição como boa articulista política. Petista histórica, ela coloca, inflando egos, os possíveis candidatos como "patinhos de tiro ao alvo" de parques. Vão levar boladas.
Em tempo, o candidato dela, segundo um desinformado de política, ficará escondidinho numa caixa em BH. (Ulisses que virá salvar a pátria)
Citou o Paulino para não ficar muito evidente, embora seja o melhor petista do pedaço, depois do Alaor, ckaro!

"Quem será o próximo prefeito de Itajubá?
Vira e mexe me pego pensando: pensando em como será a próxima eleição municipal aqui em Itajubá. Dia desses, amigo meu disse que essa cidade é o fim do mundo. Não penso assim. Itajubá é uma cidade fértil, onde muita coisa precisa ser feita. Pra alguns, a falta das coisas é desanimadora. Pra outros, a falta de algo é um estímulo, um incentivo para buscar que as coisas sejam feitas.
Digo coisas quando quero dizer o quê fazer, vida cultural interessante, oportunidades de trabalho, enfim, de coisas.
Bem, mas voltando ao prefeito, temos menos de dois anos para decidir qual será o futuro próximo. A quem entregaremos a batuta? A um maestro medíocre, que, por mais que tenha bons músicos, terá uma orquestra medíocre? A um maestro competente, que conseguirá tirar bom som de músicos medíocres? A um maestro brilhante que tirará excelente som de músicos também brilhantes? Nós é que vamos escolher a qualidade do som e o repertório.
Temos nomes circulando na praça. "Tão falando no Vadinho!", como diria minha amiga Nilda Bitencourt. Circulam nomes como o de Chico Marques (que encontrei na porta da Assembleia, em BH, recentemente), Jorge Mouallem (que também encontrei na porta da Assembleia, num papo amigável com o Bala. Estranhei, mas acontece!), alguém do PT, Renato Nunes, Leandra, Rodrigo Riêra (que já declarou abertamente que está no páreo), Raimundo Silva..... "Tão falando tanta coisa no Vadinho!".
Bem, mas estou ansiosa para saber como ficarão as alianças, como o atual prefeito angariará apoio para tentar a reeleição, quem se unirá em torno de quem.
Quem viver, verá!
PS: De acordo com comentários no meu facebook, mais nomes na lista dos prefeitáveis: Paulino, Doutor Ricardo... Assunto palpitante! "
 
Célia Rennó

SEM POBREZA

JANELA DO ANÔNIMO - 3

Mesmo que as forças te faltem
Luta por aquilo em que acreditas,
E por aquilo em que nunca acreditaste
Busca o teu caminho e teu rumo
Ainda que já não tenhas coragem para te reerguer...
Cala-te e luta!
Ainda que o Sol se esconda da tua vida
Acredita na Mão Amiga que te guia,
No colo que te aconchega
No calor das palavras que te chegam…
Cala-te e luta!
Mesmo que sintas que nada à tua volta faz sentido
E que o arco-íris se refugiou no âmago da
tristeza e solidão que te rodeiam...
Cala-te e luta!
Porque o dia ainda que cinzento é teu…
E a Vida está lá fora à tua espera…
Cala-te e luta!
E crê!
Luta e grita...
só assim poderás VIVER!

Anônimo

Blog: Poema "Esperança". Corre pela net.
ER

CARTAS QUE NÃO RECEBI...


Informou Daniel Piza no Estado de São Paulo

Nesta segunda-feira, ao meio-dia, Ronaldo Fenômeno anuncia o fim de sua carreira. Dezoito anos depois de sua estreia pelo Cruzeiro, mais de 400 gols em sete clubes e na seleção brasileira, incluindo quinze gols em Copas, e três vezes melhor jogador do mundo (1996, 1997 e 2002), o atacante do Corinthians cedeu ao cansaço. "Não aguento mais", disse ele neste domingo à tarde ao Estado. "Eu queria continuar, mas não consigo. Penso uma jogada, mas não executo como quero. Tá na hora. Mas foi lindo pra caramba."

Blog: Um dos maiores craques da história do futebol brasileiro. Infelizmente o tempo chega para todos. Sem orgulho, o "viver é perigoso" antecipou em "cartas que não recebi".

ER